Esportes, Paulistão

Água Santa vence a Lusa no Canindé e fica perto da semifinal

Água Santa vence a Lusa no Canindé e fica perto da semifinal
O Água Santa abriu vantagem para avançar às semifinais da Série A2. Foto: Dorival Rosa/Portuguesa

O Água Santa abriu vantagem para avançar às semifinais da Série A2 do Campeonato Paulista. Na noite desta terça-feira (18), mesmo jogando no estádio do Canindé, o time de Diadema venceu a Portuguesa por 2 a 0, no duelo de ida das quartas de final do estadual. Rhuan e Dadá Belmonte, um em cada tempo da partida, marcaram os gols do jogo.

Com a vitória, o Água Santa tem a vantagem de poder perder por até um gol de diferença no jogo de volta que assim mesmo estará classificado às semifinais e seguirá vivo na briga pelo acesso. A Portuguesa precisa vencer por três gols de diferença para se classificar no tempo normal. Se superar o Netuno por dois gol de diferença, a decisão será nos pênaltis.

A partida começou bastante truncada no meio-campo, com as duas equipes trocando passes no meio-campo e buscando espaço para chegar com perigo ao gol adversário. A primeira chance real de gol aconteceu aos 28 minutos, quando Raphael Luz arriscou um chute de longe e o goleiro Oliveira acabou batendo roupa, mas se recuperou e conseguiu evitar o que seria o primeiro gol da Portuguesa.

O troco do Água Santa veio em forma de gol. Aos 35 minutos, Renato Júnior chutou de fora da área, mas não pegou bem na bola. O chute  se tornou passe para Rhuan, que se infiltrou entre os zagueiros e bateu na saída do goleiro Thomazella. Nos minutos finais, o duelo seguiu movimentado, mas o primeiro tempo terminou mesmo com a vitória parcial do time visitante.

Na volta do intervalo, a Lusa foi para cima em busca do empate, mas acabou dando mais espaço ao Netuno, que conseguiu ampliar o placar logo aos quatro minutos. Dadá Belmonte recebeu toque açucarado, invadiu a área e bateu com categoria para o fundo das redes. À partir daí, o ritmo da partida caiu um pouco, mas os donos da casa seguiram fazendo de tudo para pelo menos descontar.

A melhor chance veio aos 12. Maykinho arriscou chute de fora da área, a bola ainda desviou na zaga adversária e quase complicou para o goleiro Oliveira, que se esticou todo para espalmar para fora. Nos minutos finais, muitas substituições foram feitas para ambos os lados, mas não surtiram efeito. Por isso, o duelo terminou mesmo com a vitória por 2 a 0 do Água Santa.

A partida de volta das quartas de final será disputada no estádio Primeiro de Maio, em São Bernardo, na próxima sexta-feira (21), às 19h.

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*