Política-ABC, Regional, Sua região

ABC precisa de um Centro de Controle de Tráfego, conclui comitiva italiana

ABC precisa de um Centro de Controle de Tráfego, conclui comitiva italiana
Troca de experiência entre brasileiros e italianos será base de projeto elaborado pelo Consórcio. Foto: Ricardo Cassin/PMSBC

A primeira rodada da cooperação entre o Consórcio Intermunicipal do ABC e a cidade de Turim, na Itália, terminou nesta quinta (1°) com o diagnóstico de iniciativas que podem contribuir para melhorar a mobilidade na região, como por exemplo, um centro de controle de tráfego regional. A parceria é realizada por meio do Programa Internacional de Cooperação Urbana (IUC), desenvolvido pela União Europeia (UE), possibilitando aos seis municípios consorciados do ABC (Santo André, São Bernardo do Campo, São Caetano do Sul, Mauá, Ribeirão Pires e Rio Grande da Serra) desenvolver programas de políticas públicas, de forma integrada à cidade italiana, até 2020.

O presidente do Consórcio e prefeito de São Bernardo, Orlando Morando (PSDB), destacou que a troca de experiências ao longo desta semana forneceram informações riquíssimas para formatar o projeto que será apresentado pela entidade regional ao bloco europeu até o fim deste ano. “Conforme constatamos, um centro de controle de tráfego regional é indiscutivelmente uma grande prioridade, para dar mais qualidade de vida às pessoas, assim como uma central de informações. Por meio desses mecanismos poderemos integrar linhas de ônibus e nortear melhor o transporte intermunicipal”, afirmou Morando.

O secretário executivo do Consórcio, Fabio Palacio, explicou que as todas as questões apontadas pelos italianos em relação aos modais de transportes disponíveis na região serão estudadas conjuntamente nos próximos meses. “Como parte do IUC, o ABC vai enviar sua delegação a Turim, para dar continuidade à cooperação e conhecer as ações realizadas na cidade italiana. Enquanto isso, os dois lados continuam realizando reuniões por meio de videoconferências para a troca de experiências”, pontuou.

Encontros técnicos

Os encontros técnicos entre o ABC e Turim foram os primeiros entre as 40 parcerias firmadas pelo programa da União Europeia. Gestor da iniciativa, Stefan Unseld ressaltou que a organização e profissionalismo que conduziram a missão dos italianos no Brasil foi fundamental para viabilizar os próximos passos da cooperação. “A União Europeia é um facilitador para a troca de experiências. Hoje temos uma visão ampla das áreas que podem ser alvo de cooperação entre as duas regiões”, explicou.

Durante a coletiva, o presidente da Câmara Ítalo-Brasileira de Comércio, Indústria e Agricultura (Italcam), Domenico Alberto Rossini, apresentou à imprensa o projeto da missão empresarial que visitará Turim entre 14 e 17 de maio, paralelamente à ida da delegação liderada pelo Consórcio à Itália, a fim de dar continuidade ao IUC. A iniciativa é uma realização da Agência de Desenvolvimento do ABC.

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*