Esportes, Outros Esportes

Mercedes faz dobradinha nos treinos livres para GP da Inglaterra

O francês Pierre Gasly, da Red Bull, até surpreendeu ao liderar o primeiro treino livre para o GP da Inglaterra, ontem (12), mas a Mercedes restabe­leceu sua hegemonia no circuito de Silverstone ao terminar o dia com dobradinha. Com o tempo de 1min26s732, o melhor do dia, Valtteri Bottas superou Lewis Hamilton, piloto da casa, por apenas 0s069. O finlandês cravou 1min26s801 e foi o mais rápido das atividades prepa­ratórias para o GP de amanhã.

Os dois carros da Ferrari ficaram atrás dos rivais da Mercedes. Mais uma vez, o mone­gasco Charles Leclerc ficou na frente do seu companheiro de equipe, o alemão Sebastian Vettel. Fez o tempo de 1min26s929, perto da marca obtida por Bottas (0s197 atrás), no terceiro lugar, contra 1min27s180 do tetracampeão mundial, quinto.

Gasly conseguiu a proeza de superar, em dois treinos livres seguidos, seu companheiro de equipe. O francês terminou o dia na quarta colocação, com a marca da sessão inicial (1min27s173), melhor até mesmo do que a da segunda atividade, quando fez 1min27s249. O holandês Max Verstappen foi apenas o sétimo com 1min27s562.

Em sexto veio o britânico Lando Norris, em mais uma boa performance da McLaren, com 1min27s546. Seu colega de equipe, o espanhol Carlos Sainz Jr., obteve o oitavo melhor tempo do treino. O tailandês Alexander Albon, da Toro Rosso, ficou em nono, à frente do mexicano Sérgio Pérez, da Racing Point, que completou a relação dos primeiros colocados.

Hoje, a terceira sessão de treinos livres ocorre às 7h (de Brasília) e o treino de classificação, que define o grid de largada, terá início às 10h. A corrida está marcada para amanhã, às 10h10.

Deixe seu comentario

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*