Diadema, Política-ABC, Sua região

Ministério garante R$ 17 milhões para mobilidade de Diadema

Ministério garante R$ 17 mi para mobilidade de Diadema
Lauro Michels: “esta obra é imprescindível para a cidade”. Foto: Arquivo

O secretário nacional de Mobilidade Urbana, ligado ao Ministério do Desenvolvimento Regional, Jean Carlos Pejo, garantiu ao prefeito de Diadema, Lauro Michels (PV), a liberação de R$ 17 milhões para andamento e conclusão da implementação do corredor preferencial para transporte coletivo na Rua Rio de Janeiro e avenida Casa Grande, e para obras de interligação da Avenida Fundibem com São Bernardo, ambas no bairro Casa Grande.

Conforme matéria pu­blicada pelo Diário Regional nesta quinta-feira (6), Michels afirmou que o recurso previsto para início das obras do corredor preferencial para transporte coletivo no bairro Casa Grande, primeira das sete etapas do plano de mobilidade da cidade, não havia sido repassado.

Porém, ainda na quarta-feira ocorreu encontro entre o secretário nacional e os prefeitos da região no Consórcio Intermunicipal ABC, quando foi garantida a liberação da verba para o projeto de Diadema, segundo informou a prefeitura.

As duas intervenções se referem a primeira e segunda etapas do projeto de Mobilidade Urbana, financiados com recursos do Programa de Aceleração do Crescimento (PAC). O município arcará com a desapropriação como contrapartida das obras.

“Esta obra é imprescindí­vel para a cidade. Vai favore­cer o transporte coletivo, que terá uma via exclusiva, e vai impactar positivamente na mobilidade de toda região”, afirmou Michels.

As obras de implementação do corredor exclusivo de ônibus já estão em andamento e têm previsão de término para abril de 2020. O investimento federal é de R$ 11.735.212 e R$ 1.247.000 de contrapartida da prefeitura. Entre as modificações necessárias para instalação da faixa exclusiva de ônibus estão duplicação das pistas da Avenida Casa Grande, no trecho compreendido entre as ruas Rio de Janeiro e Antônio Parreira; reforço e adaptação do asfalto para tráfego de veículos pesados; pavimentação total das vias, rampas de acessibilidade, e microdrenagem.

INTERLIGAÇÃO

Para ligar Diadema a São Bernardo, a Avenida Fundibem passará por intervenções como correção de canalização do Córrego do Cipó, bem como construção de ponte. A previsão é que o processo de licitação comece neste ano e a obra esteja finalizada dentro de um ano após o seu início.

Deixe seu comentario

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*