Brasileirão, Esportes, Futebol

Remanescente de 2015, Esley pede garra ao São Caetano na Série D

Dono de vasta experiência no futebol, o volante Esley será um dos trunfos do São Caetano na disputa da Série D do Campeonato Brasileiro. Será a segunda participação da equipe do ABC na competição.

Único remanescente do time que chegou às quartas de final em 2015 e que, por muito pouco, não conseguiu o acesso à Série C, o volante entende que, em uma competição de baixo nível técnico, a garra tem de prevalecer para a equipe alcançar seu objetivo.

“A gente sabe que a Série D é um campeonato bastante difícil. O nível técnico não é muito elevado, então prevalece a parte física, a vontade. Precisamos saber que, desde o início, o campeonato é disputado desta forma. Então, precisamos nos adaptar o mais rápido possível a isso”, afirmou.

Em 2015, o São Caetano foi eliminado nas quartas de final pelo Botafogo-SP.

Em seis anos no Anacleto Campanella, Esley já realizou 148 jogos pelo clube do ABC. Desse total, o volante dispu­tou 11 na quarta divisão do brasileiro de 2015, quando ficou de fora apenas de uma partida.

“Estou confiante em fazer um bom campeonato. Sabemos que deixamos muito a desejar no Campeonato Paulista (o time foi rebaixado). O clube precisa deste acesso, precisa ter um calendário melhor no próximo ano. Minha função neste elenco é ajudar”, disse o volante.

COPA PAULISTA

Além da Série D, o Azulão vai disputar a Copa Paulista durante o segundo semestre. Integrante do Grupo 4, o time do ABC terá como adversários Ponte Preta, Água Santa, Santo André, Esporte Clube São Bernardo e Osasco na primeira fase.

 

Deixe seu comentario

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*