Esportes, Outros Esportes

Morre Laís Elena, grande nome do basquete brasileiro

Morre Laís Elena, grande nome do basquete brasileiro
Laís pendurou a chuteira em 2015, mas acompanhava de perto o time do Santo André. Foto: Alex Cavanha/PSA

Morreu na tarde desta terça-feira (12), no Hospital AC Camargo, a ex-jogadora e treinadora de basquete Laís Elena Aranha da Silva, que lutava contra um câncer de mama. Ela tinha 76 anos, completados na última segunda-feira.

Um dos maiores nomes da história do basquete brasileiro, Laís Elena era secretária-adjunta de Esporte e Prática Esportiva de Santo André. O prefeito Paulo Serra (PSDB) decretou luto oficial de três dias na cidade.

Há pouco mais de um mês, Laís Elena precisou ser internada após sofrer convulsão, decorrente do tratamento que fazia contra a doença.

Nascida em Garça, no Interior paulista, Laís Elena iniciou a carreira como armadora no Corinthians, mas escreveu seu nome no basquete de Santo André, onde chegou em 1964 e permaneceu por 11 anos como jogadora.

A trajetória como técnica começou em 1976, na base andreense. Assumiu a equipe principal em 1984, iniciando a passagem mais longeva do basquete feminino brasileiro. Entre suas conquistas figuram o título da primeira edição da Liga de Basquete Feminino (LBF), temporada 2010/11, e os campeonatos Nacional de 1999 e Paulista de 1995.

Diversas gerações de atletas passaram pelas mãos de Laís Elena, de campeãs mundiais como Janeth e Helen a multicampeãs da LBF como Ariadna e Ega. Laís aposentou a prancheta em 2015, mas ainda acompanhava de perto a gestão do Santo André/Apaba e a base.

Laís Elena também defendeu a Seleção Brasileira, pela qual foi cinco vezes campeã sul-americana e bicampeã dos Jogos Pan-Americanos, ao lado de outros nomes importantes do basquete feminino, como Heleninha, Norminha e Maria Helena Cardoso. Conquistou a medalha de bronze no Mundial de 1971, realizado no Brasil, e o quinto lugar no Mundial de 1964, no Peru.

O velório será realizado nesta quarta-feira (13), das 7h às 15h, na Câmara de Santo André.

 

 

Deixe seu comentario

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*