Copa do Brasil, Esportes

Santos faz 7 a 1 no Altos e avança na Copa do Brasil

Santos faz 7 a 1 no Altos e avança na Copa do Brasil
Carlos Sánchez organizou as principais jogadas do Santos. Foto: Ivan Storti/Santos FC

Ainda abalado pela derrota por 5 a 1 para o Ituano no fim de semana, o Santos estreou na Copa do Brasil com goleada ainda maior, mesmo após levar um susto. Ontem (6), em Teresina, o time goleou o Altos-PI por 7 a 1 e se garantiu na segun­da fase do torneio mata-mata.

A expressiva goleada premiou a estratégia de Jorge Sampaoli de buscar o ataque o tempo todo e a eficiência para construir a virada no primeiro tempo, transformando o placar rapidamente em goleada – liderada pela boa atuação do uruguaio Carlos Sánchez, que fez dois gols e organizou as principais jogadas ofensivas.

Na segunda fase da Copa do Brasil, o Santos terá pela frente o América-RN, que passou pelo Sobradinho. Pelo Campeonato Paulista, seu próximo compromisso será realizado sábado, no Pacaembu, contra o Mirassol.

O início do jogo começou com sustos para o Santos. O time foi vazado aos cinco minutos, em jogada de bola parada. Ancelmo bateu falta rasteira, Sánchez furou ao tentar afastar e Luizão mandou para as redes.

O gol precoce levantou o temor de eliminação no Santos, abalado pela dura derrota para o Ituano no fim de semana. Só que, desta vez, o time reagiu e empatou o jogo aos 11, com gol de cabeça de Luiz Felipe, após cobrança de falta de Jean Mota – a arbitragem não percebeu que o zagueiro estava impedido.

A partir daí, o primeiro tempo se tornou um passeio para o Santos. O time virou aos 24, quando Copete levantou para Derlis González finalizar às redes. No lance seguinte, aos 25, Alison desviou cruzamento rasteiro de Diego Pituca e acabou sendo ajudado por falha do goleiro Andrade para marcar. O quarto gol foi lindo, com Sánchez interceptando passe errado do Altos e batendo de cobertura, aos 28. O uruguaio fez mais um, aos 40, em novo chute de fora da área.

Após o massacre, o Santos diminuiu o ritmo no segundo tempo. Desconcentrado, come­teu até alguns erros, mas o Altos não conseguiu aproveitar as oportunidades que teve.

O time só foi aumentar o ritmo a partir da entrada de Soteldo. Aos 24 minutos, o venezuelano interceptou lançamento longo de Gustavo Henrique e, livre na entrada da grande área, chutou no alto e fez belo gol para o Santos. Aos 37 veio o 7 a 1, com Diego Pituca.

 

ALTOS-PI 1 X 7 SANTOS

Gols: Luizão, aos cinco; Luiz Felipe, aos 11; Derlis González, aos 24; Alison, aos 25; Sánchez, aos 28 e aos 40 do 1º tempo. Soteldo, aos 28, e Pituca, aos 37 da 2ª etapa. Ár­bi­tro: Jean Pierre Gonçalves Lima (RS). Estádio: Albertão, em Teresina (PI).

ALTOS-PI

Andrade; Caíque, Ramon Baiano, Renato Santos (Netinho) e Tiaguinho; Jorginho, Dos Santos, Júnior Paraíba, Ancelmo (Wesley) e Eder Guerreiro; Luizão (Raphael Freitas). Técnico: Leandro Campos.

SANTOS

Vanderlei; Luiz Felipe, Aguilar e Gustavo Henrique; Victor Ferraz, Alison, Pituca, Sánchez (Sasha), Jean Mota (Soteldo) e Copete; Derlis González (Sandry). Técnico: Jorge Sampaoli.

 

Deixe seu comentario

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*