Política-ABC, Santo André, Sua região

Justiça decreta prisão preventiva de Elian Santana, que segue presa

Justiça decreta prisão preventiva de Elian Santana, que segue presa
Elian é suspeita de integrar grupo que fraudava a Previdência. Foto: Reprodução/Facebook

A juíza Ana Lucia Iucker Meirelles, da 3ª Vara Fe­deral de São Bernardo, decretou nesta quarta-feira a prisão preventiva da vereadora afastada de Santo André Elian Santana (Solida­riedade). A Justiça, que aca­tou pedido do Ministério Público Federal (MPF), havia prorrogado na última sexta-feira a prisão temporária da parlamentar. Com a decisão, Elian Santana, que segue na supe­rintendência da Polícia Federal, na Capital, ficará detida por tempo indeterminado.

A parlamentar afastada foi presa no último dia 26, no âm­bito da Operação Bar­bour, deflagrada com o objetivo de desarticular organização criminosa especializada em fraudar a Previdência. O inquérito foi ins­taurado em junho deste ano, após a PF receber informações de inteligência da Secretaria de Previdência Social, que havia detectado inconsistências nos pedidos de aposentadoria em Diadema.

Nas investigações, os po­liciais identificaram 24 pedidos de aposentadoria fraudados, com prejuízo à Previdência superior a R$ 600 mil. Porém, a estimativa é de que as fraudes possam ter causado rombo de R$ 170 milhões ao INSS. A concessão custava entre R$ 9 mil e R$ 15 mil – a divisão entre os integrantes está sendo investigada.

OUTROS DETIDOS

A juíza também decretou a prisão preventiva de Vitor Mendonça de Souza, que trabalhava na agência do INSS de Diadema, e de Adair Saar, apontado como intermediador do esquema. Entretanto, a chefe de gabinete da vereadora, Luciene Aparecida Ferreira de Souza, foi liberada e vai cumprir medida cautelar.

Segundo as investigações, Luciene intermediava con­tato com a pessoa que atua­­va “oficiosamente” como assessor às segundas-feiras e funcionava como procurador, levando a documentação fraudada ao servidor do INSS de Diadema, que concedia o benefício.

Deixe seu comentario

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*