Minha Cidade, Santo André, Sua região

Profissionais estimulam concentração de estudantes e promovem saúde nas escolas de Santo André

Profissionais estimulam concentração de estudantes e promovem saúde nas escolas de Santo André
Atividades de Lian Gong e Danças Circulares foram promovidas dentro do Programa Saúde nas Escolas. Foto: Helber Aggio/PSA

Reunidos no pátio, 120 alunos, entre 4 e 10 anos, da EMEIEF Profª Elaine Cena Chaves Maia, conheceram na manhã desta terça-feira (11), duas práticas integrativas de promoção a saúde: o Lian Gong e Danças Circulares. A atividade compõe o Programa Saúde nas Escolas, que tem como objetivo integrar Saúde e Educação, intensificando as ações dentro da unidade escolar.

“Nessa faixa etária a gente trabalha a coordenação motora, concentração, melhora a integração entre eles e desperta a alegria.  Então, isso e muito saudável pra todos. Além disso, quando a gente trabalha o movimento corporal, eles acabam percebendo melhor o próprio corpo, os seus próprios limites, é muito importante para a educação deles de uma forma geral”, avalia a coordenadora das Práticas Integrativas e Complementares, Gislene Moreira Alves, que orientou a atividade junto a duas agentes comunitárias de saúde da US Jardim Ana Maria.

O Lian Gong é uma prática corporal fundamentada na Medicina Tradicional Chinesa. Por meio de movimentos, a atividade desenvolve o poder de concentração e integra o indivíduo com o próprio corpo, como as demais pessoas e com a natureza. Já a Dança Circular é uma prática de dança em roda. Tem origem de diferentes culturas, o que favorece a aprendizagem e a conexão entre os participantes. As pessoas dançam juntas e em círculos. A atividade estimula a união do grupo e desenvolve o senso de comunidade.

A diretora da unidade, Elizabete Longarini da Costa, reforça a importância da ação. “A criança é um todo. Se pararmos para pensar que para copiar uma lição da lousa, a criança faz vários movimentos de levantar a cabeça, abaixar, escrever, então tudo isso envolve um equilíbrio, movimento do corpo. Toda atividade física que venha contribuir para essa consciência corporal é bem-vinda.”

Além da atividade realizada em parceria com a Secretaria de Educação, a pasta da Saúde oferece atividades do gênero nas unidades da rede de Atenção Básica e equipamentos especializados e hospitalares. Hoje, estão disponíveis em dias e horários variados ao longo da semana, atividades como meditação, reiki, auriculoterapia, entre outras, abertas aos usuários.

PROGRAMA SAÚDE NAS ESCOLAS

O PSE foi criado em 2007, como estratégia para enfrentar vulnerabilidades que comprometem o pleno desenvolvimento das crianças e jovens na rede pública de ensino. Para isso, ao aderir ao programa cada município se compromete a cumprir dez metas, entre as quais estão a atualização vacinal dos estudantes, promoção da alimentação saudável e prevenção à obesidade e prevenção das violências e dos acidentes.

Em Santo André 14 escolas estão sendo beneficiadas, em um total de aproximadamente 7,2 mil crianças. EsSas unidades atendem aos critérios do programa, como por exemplo, condições de vulnerabilidade social de seus alunos e a viabilidade para a realização e sustentação das ações, como proximidade da Estratégia de Saúde da Família, equipes de saúde bucal, proximidade com a UBS (Unidade Básica de Saúde) e apoio da equipe do projeto Educação em Movimento, da Secretaria de Educação, que atua no combate ao sobrepeso e à obesidade dos alunos da rede municipal de ensino.

Deixe seu comentario

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*