Arte & Lazer, Música

Duetos são atração no Sesc São Caetano

Duetos são atração no Sesc São Caetano
Donos de trabalhos autorais, de produções independentes e atuantes na nova cena folk em São Paulo, os cantores e compositores Bezão e Nô Stopa apresentam Duas Casas. Foto: Divulgação

Nas sextas  de setembro, a partir das 20h,  o Sesc São Caetano  oferece “Dois é demais” programação musical voltada a apresentações em duos de diferentes formações e estilos que vão da música de câmara ao folk, em releituras de sucessos da música brasileira.

Projeto tem destaque pelo clima intimista entre plateia e artistas, que na área de convivência local aconchegante onde ocorrem as apresentações, oferece ao público contato próximo com grandes músicos e arranjadores. Atividades gratuitas e abertas ao público geral.

Dia 14 

Duo Flutuart toca Chiquinha Gonzaga
com Paula Pascheto e Deise Hattum

A compositora, pianista, maestrina e arranjadora Chiquinha Gonzaga tem uma obra vastíssima, e sempre esteve à frente de seu tempo. Divorciou-se do primeiro marido, casou-se com um homem 35 anos mais jovem, foi uma abolicionista fervorosa, e participou da criação do Chôro, em conjunto com Joaquim Callado, integrando a roda boêmia do Rio de Janeiro do final do século XIX. A apresentação retrata esse perfil avassalador e singular

O Duo Flutuart , formado pela pianista Deise Hattum e pela flautista Pascheto, nasceu em 2014 com o intuito de apresentar e difundir a música de câmara e seus compositores.

Deise Hattum (piano): Possui vivência do erudito ao popular e em várias formas de expressões artísticas. Fundadora do “Trio Choro de Câmara” premiado no ProAc. Pianista atuante no teatro musical nos projetos da Companhia “Artista do Corpo”. Apresentou-se ao longo da carreira em vários centros culturais. Dedica-se à obra pianística de Ernesto Nazareth, Chiquinha Gonzaga e outros compositores brasileiros. Idealizadora e organizadora do “Festival Marcello Tupynambá”. Em Santiago do Chile fez um recital de piano na abertura do Simpósio Científico “LACE – 2016”. Seu projeto mais recente é o Recital “Piano em Casa”, onde se propõe a interpretar e explanar a obra musical brasileira em residências, num ambiente mais intimista com familiares e amigos dos anfitriões, voltando à tradição da sociedade há muito tempo perdida.

Paula Pascheto (flauta): Natural de São Paulo, iniciou seus estudos musicais aos 7 anos, ingressou na Universidade Livre de Música (atual EMESP) em 1999. Ingressa na Faculdade Alcântara Machado em 2005. Ingressou em 2006 na Escola Municipal de Música. Fez parte dos grupos sinfônicos: Banda Sinfônica Jovem Do Estado De São Paulo, Camerata Faam. Realizou festivais de Campos do Jordão e Campos dos Goytacases, Música no Verde, entre outros. Participou de masterclass com os flautistas Emanuel Pahud (2000), Mary Clardy (2002), Edson Beltrami (2002), Tadeu Coelho (2004), Renato Axlhuld (2005), Renato Kimachi (2006), Rogério Wolf (2007). Fez turnê pela Itália e Suíça.

 Dia 21

Duas Casas
com Bezão e Nô Stopa

Donos de trabalhos autorais, de produções independentes e atuantes na nova cena folk em São Paulo, os cantores e compositores Bezão e Nô Stopa apresentam Duas Casas – trabalho que potencializou as raízes e origens naturais de cada um, trazendo o melhor de seus universos particulares, formando aqui uma unidade enriquecida pela soma de dois.

Dia 28

Carol Andrade e Alex Maia
Canção Pra Dois

Para celebrar o vigésimo aniversário de frutífera parceria, o duo Carol Andrade (voz) e Alex Maia (violão) lança um novo disco com releituras originais de canções da música brasileira que falam sobre a “vida a dois”. A escolha do tema resgata o verdadeiro sentido do casamento e exalta a força do amor, não aquele amor perfeito ou romântico, tão presente em tantas canções do cancioneiro popular, mas sim o amor real. A ideia é trazer à tona os dramas da vida de um casal, suas alegrias, conflitos e superações; cantar o que vem depois do “e viverem felizes para sempre”. Canção Pra Dois é um projeto simples e ao mesmo tempo grandioso. Traz em uma voz e um violão a riqueza e a diversidade da música de um Brasil gigante! Ritmos como o samba, o baião, a bossa-nova flertam com a valsa, o jazz e até o rock, tudo junto e misturado por um tempero moderno, com cheiro e sabor de poesia, esta que dispensa a medida do tempo e sempre nos conduz ao essencial.

SERVIÇO:

Sesc São Caetano,  Rua Piauí -554 Santa Paula – São Caetano do Sul

Dias: 14,21,28 deste mês, às  20h

Recomendação etária: Livre

Ingressos: Grátis. Retirada 1h de antecedência
Capacidade: 90 pessoas

Telefone para informações: (11) 4223-8800
Para informações sobre outras programações acesse o portal sescsp.org.br

Horário de atendimento/bilheteria do Sesc São Caetano – De segunda a sexta, 9h às 21h30, sábados e feriados, das 9h às 17h30 .

Deixe seu comentario

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*