Mauá, Política-ABC, Sua região

Chefe de Gabinete de Atila é exonerado e faz duras críticas à prefeita interina

Chefe de Gabinete de Atila é exonerado e crítica Alaíde Damo
Prefeita interina, Alaíde Damo (MDB), exonerou ontem o chefe de Gabinete Marcio de Souza. Foto: Arquivo

As especulações que rondavam a Prefeitura de Mauá desde que o prefeito Atila Jacomussi (PSB) foi preso em 10 de maio, acusado de lavagem de dinheiro, de que o chefe de Gabinete Marcio de Souza seria desligado do cargo, finalmente se confirmaram. A prefeita interina, Alaíde Damo (MDB), exo­nerou Souza na tarde de ontem (29). O agora ex-secretário sairia de férias na segunda-feira (2). Atila Jacomussi está afastado do cargo por decisão do Tribunal Regional Federal da 3ª Região (TRF-3).

Em tom bastante crítico, Souza afirmou que o grupo dos Damo – Alaíde é esposa do ex-prefeito Leonel Damo e mãe da ex-deputada estadual Vanessa Damo (MDB) – está fazendo muitas mudanças porque “são acostumados ao tapetão”. “Acredito na Justiça. Acredito que Atila vai voltar, mas até lá, seguem fazendo mudanças, atrapalhando a cidade e trazendo o caos que reinava em 2005. Na saúde, demitiram pessoas importantes. O Nardini (Hospital Dr Radamés Nardini) está fechando as portas e é isso. Porém, acredito que em breve o Atila vai voltar”, finalizou.

Decisão

O secretário de Governo Antonio Carlos de Lima evitou se aprofundar na decisão de Alaíde em desligar Souza. “É um excelente profissional. Uma pessoa muito competente. Foi uma decisão de caráter pessoal da prefeita. (Souza) uma pessoa bastante afinada ao Atila e, neste momento, ela entendeu que precisava fazer a troca”, afirmou.

Lima discorda que Alaíde tenha promovido muitas mudanças no governo. “Os desligamentos na saúde foram por decisão da Fundação do ABC, que administra os equipamentos, e nas se­cretarias, assumiram pessoas técnicas. O governo precisa continuar”, afirmou.

Apesar do discurso apa­ziguador, vai ficando cada vez mais claro que o go­verno de Alaíde Damo não é de continuidade e que a emedebista vem dando “a sua cara” ao primeiro escalão da administração.

A prefeita interina já trocou os comandos das secretarias de Educação, Governo, Relações Institucionais, Obras, e agora, exonerou o chefe de Gabinete, além de ter demitido servidores do segundo escalão da área da Educação.

O secretário de Planejamento, José Viana Leite, deve ser o próximo a ser exonerado. Fontes ligadas ao Paço informaram que Vanessa Damo pediu uma lista dos comissionados que foram indicados pelos vereadores, com objetivo de fazer mais cortes.

Deixe seu comentario

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*