Minha Cidade, Santo André, Sua região

S.André amplia estrutura de atendimento para cadastro do Cartão Prioridade

S.André amplia estrutura de atendimento para cadastro do Cartão Prioridade
Desde o lançamento do programa, 3.150 cartões foram emitidos; cadastro prossegue no saguão do Teatro Municipal até 6 de abril e poderá ser feito após esta data na AESA. Foto: Ricardo Trida/PSA

Para proporcionar atendimento mais ágil aos idosos que estão procurando o saguão do Teatro Municipal para cadastro no Cartão Prioridade, a Prefeitura de Santo André ampliará a estrutura de atendimento a partir de hoje (14). Com a medida, o número de atendentes passará de 12 para 17 e serão instaladas mais impressoras para agilizar a emissão dos cartões. Lançado no dia 2, o Cartão Prioridade permite que usuários de ônibus com mais de 65 anos entrem pela porta da frente dos veículos, o que facilita o embarque.

O lançamento do cartão faz parte da campanha “Pela Porta da Frente”, promovida pela prefeitura, por meio da SATrans, em parceria com a AESA (Associação das Empresas do Sistema de Transporte de Santo André). De acordo com o último levantamento feito pela AESA, até a última segunda-feira (12) haviam sido emitidos 3.150 cartões.

O cadastro no saguão do Teatro Municipal ocorrerá até 6 de abril, de segunda a sexta-feira, das 9h às 17h. A emissão dos cartões, no entanto, não será interrompida após esta data. A partir de 9 de abril, os munícipes poderão obter o cartão na AESA, localizada na avenida Industrial, 600, e que funciona de segunda a sexta, das 8h às 18h. Não há, portanto, urgência na emissão do documento.

O Cartão Prioridade não é obrigatório, mas sim, um benefício oferecido aos idosos com objetivo de facilitar o embarque. Quem tem mais de 65 anos e não tiver interesse em obter o cartão, poderá continuar entrando normalmente pela porta de trás dos ônibus, apresentando o RG.

“Essa melhoria faz parte de um conjunto de medidas que estamos tomando para mudar e melhorar a qualidade do transporte público, além de poder mensurar a quantidade de idosos que utilizam o nosso sistema”, afirmou o prefeito Paulo Serra (PSDB).

Para efetivar o cadastro e o acesso ao Cartão Prioridade, que é emitido na hora e gratuitamente, o usuário de ônibus com mais de 65 anos deve apresentar CPF, documento com foto e comprovante recente de residência (conta de água, luz ou telefone) emitido nos últimos três meses e em seu nome.

Deixe uma resposta