Exposição

Fotógrafa de São Bernardo quer resgatar “beleza invisível” em projeto autoral

Fotógrafa de São Bernardo quer resgatar “beleza invisível” em projeto autoral
Adriana vai entrevistar e fotografar mulheres de 30 a 70 anos. Foto: Arquivo Pessoal

A fotógrafa Adriana Horvarth, moradora de São Bernardo, começa este mês o seu projeto “Invisivelmente Belas”. A ideia, segundo a profissional, é resgatar através da fotografia a beleza real de mulheres de 30 a 70 anos. “Esse projeto nasceu de uma experiência pessoal, das mudanças que a menopausa trouxe para a minha vida e da minha vivência de uma série de situações que são comuns às mulheres após os 35, 40 anos”, explicou.

“Quero aproveitar a linguagem da fotografia para me ajudar a trazer a tona essa beleza feminina que não é a padrão, que não é a essencialmente jovem, uma beleza muitas vezes esquecidas até por essas mulheres”, completou.

Além das fotos, Adriana quer se aproximar das mulheres, com entrevistas onde elas possam se expor. “Pretendo me aproximar da realidade, saber das histórias, dos momentos de alegrias e também das tristezas, dos traumas, e tentar captar a essência desses momentos nas fotografias”, afirmou.

A fotógrafa considera também a possibilidade de registrar em áudio as entrevistas. “É um trabalho colaborativo, que vai se transformando com a contribuição dos participantes”, detalhou. “Importante falar que hoje em dia se fala muito em empoderamento, mas entendo que virou uma coisa muito vendida. Espero que a mulher se dê conta do seu verdadeiro empoderamento, da sua verdadeira beleza, se vendo nas fotos”, concluiu.

O projeto deve ter duração de 12 meses e a ideia é que culmine em uma exposição. Atualmente, Adriana está com fotos expostas no Shopping Praça da Moça, em Diadema, num trabalho conjunto com o fotógrafo Marco Aurelio Olímpio, intitulada “Mulheres em Canto”. “Quero que a minha câmera, as minha fotos, sejam um grande espelho e um convite à essas mulheres, para que elas possam se olhar e se ver. É uma mensagem de esperança e superação”, concluiu.

Interessadas em participar do projeto podem entrar em contato pelo e-mail: adriana.oliveira.horvath@gmail.com.

Deixe uma resposta