Esportes, Futebol, Paulistão

Corinthians obtém efeito suspensivo, e Fagner é liberado para jogar final do Paulista

Fagner está apto a jogar a decisão do domingo. Foto: ArquivoO lateral direito Fagner está à disposição do técnico Fábio Carille para a final entre Corinthians e Ponte Preta amanhã (7) em Itaquera.

O jogador corintiano, que havia sido punido com um jogo de suspensão, poderá atuar normalmente após o clube obter um efeito suspensivo ontem.

A decisão ocorreu após análise do Tribunal de Justiça Desportiva (TJD). Na última terça-feira (2), Fagner foi julgado por uma troca de agressões com o meio-campista Cueva, do São Paulo, em duelo válido pela seminal do Campeonato Paulista.

Foram três votos a dois pela punição ao jogador do Corinthians. Em documento, o presidente do TJD, Antonio Olim, informa que concedeu efeito suspensivo a Fagner até que o caso seja julgado pelo pleno do Tribunal.

Denunciados pela procuradoria no artigo 250 do Código Brasileiro de Justiça Desportiva (CBJD), re­sumido por ato hostil, os dois jogadores foram punidos de forma distinta. Fagner recebeu um jogo de suspensão, enquanto o são-paulino foi advertido.

A confusão entre Fagner e Cueva ocorreu logo no começo do segundo tempo do clássico entre Corinthians e São Paulo, em Itaquera, disputado no dia 23 de abril. O são-paulino, primeiro, chegou a acertar uma cabeçada no corintiano, além de um tapa. Momentos depois, o lateral desferiu joelhada na parte posterior da coxa do meia, a chamada “paulistinha”.

Com Fagner à disposição de Carille para a partida decisiva, o Corinthians terá dois desfalques para o duelo. O volante Gabriel e o meia Rodriguinho receberam o terceiro cartão amarelo na partida disputada em Campinas.  Paulo Roberto jogará à frente da zaga, enquanto Camacho é o favorito para ocupar a vaga no meio.

Deixe seu comentario

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*