Esportes, Futebol, Paulistão

Pratto marca duas vezes, e São Paulo vence o São Bento

Lucas Pratto comemora um de seus gols na virada são-paulina no Morumbi. Foto: Antonio Cicero/Photo Press/FolhapressCom dois gols de Lucas Pratto e outro de Cueva, o São Paulo derrotou o São Bento, por 3 a 2, na noite de ontem (21), pela quinta rodada do Campeonato Paulista.

Apesar da vitória em casa, a equipe tricolor não teve facilidade. Logo aos oito minutos, Pitty abriu o placar para os visitantes e obrigou o São Paulo a se lançar ao ataque.

Após pressão intensa, Lucas Pratto empatou aos 27 minutos, depois de um cruzamento de Luiz Araújo. Na volta do intervalo, logo aos quatro minutos, o argentino fez mais um e colocou os donos da casa na frente. O gol foi o terceiro de Pratto em dois jogos com a camisão são-paulina.

Com o placar favorável, a equipe comandada por Rogério Ceni passou a administrar o confronto e teve a chance de ampliar, mas desperdiçou. Aos 27 minutos, Cueva recebeu livre na área e chutou na trave. Seis minutos depois, o São Bento empatou, com Régis Souza.

O duelo se encaminhava para a igualdade, até que Chávez sofreu pênalti polêmico, aos 41 minutos. O peruano Cueva cobrou com perfeição e garantiu a vitória do São Paulo.

Liderança

Com o resultado, o clube da Capital chegou aos dez pontos e manteve a liderança do Grupo B do Estadual após cinco rodadas. O São Bento, por sua vez, permanece com apenas um ponto ganho e é o último colocado do Grupo C.

Na próxima rodada, o São Paulo enfrenta o Novorizontino, no sábado, às 19h30, fora de casa. No mesmo dia o São Bento encara o Red Bull Brasil.

 

SÃO PAULO 3 X 2 SÃO BENTO

Gols: Pitty, aos 8, e Pratto, aos 27 do 1º tempo. Pratto, aos 4; Regis, aos 31; Cueva, aos 41 minutos do 2º tempo. Árbitro: Vinícius Furlan. Estádio: do Morumbi, em São Paulo, ontem à noite.

SÃO PAULO

Sidão, Buffarini, Rodrigo Caio, Maicon e Junior (Bruno); João Schmidt, Thiago Mendes, Cíce­ro e Cueva (Araruna), Luiz Araújo (Chavez) e Pratto. Técnico: Rogério Ceni.

SÃO BENTO

Viana; Regis, Pitty, Gabriel Santos e Denner; Fábio Bahia, Itaqui, Leandro Melo (Magrão) e Giovanni (Rodrigo Dantas); Renan Mota e G.Queiroz (Bebeto). Técnico: Paulo Roberto Santos.

Deixe seu comentario

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*