Mauá, Política-ABC, Sua região

Governo Atila reativa Gabinete de Gestão Integrada de Segurança

Primeira reunião de 2017 do órgão, ligado à pasta de Segurança Pública, ocorreu ontem. Foto: Roberto Mourão/PMMA Prefeitura de Mauá ativou o Gabinete de Gestão Integrada Mauá (GGIM), órgão da Secretaria de Segurança Pública, com a primeira reunião oficial de 2017 realizada ontem (25). A proposta é articular ações entre representantes da sociedade civil, Polícia Civil, Militar, Corpo de Bombeiros e Guarda Civil Municipal (GCM).

“Temos obrigação e compromisso com a população em manter a ordem pública. Como ninguém faz nada sozinho, estamos ativando o GGIM, órgão que vai integrar todos os recursos disponíveis nos governos municipal, estadual e federal, além da sociedade civil organizada, no combate a violência na nossa querida Mauá”, destacou o prefeito Atila Jacomussi (PSB).

O GGIM seguirá diretrizes do Programa Nacional de Segurança Pública (Pronasci) para busca de financiamentos externos em projetos de segurança pública. Uma das primeiras ações a serem implementadas será o conceito de Vizinhança Vigilante, que vai viabilizar futuramente o projeto Bairro Seguro. A ferramenta também vai adiantar assinatura de convênio estadual que permitirá acesso da Secretaria de Segurança Pública ao Infocrim, sistema de monitoramento de ocorrências criminais usado pelas polícias.

Segundo o secretário interino de Segurança Pública, coronel Paulo Barthasar, o órgão vai potencializar e melhorar as ações de combate à criminalidade na cidade. “O GGIM estava abandonado. Com essa retomada, a Segurança Pública ganha importante incremento, principalmente na busca de fomentos para nossos projetos.”

O prefeito ressaltou que o GGIM será sintonizado às ações de zeladoria da cidade, projetos que inibem o ambiente propício a atividades criminosas. “Centro Luz e o Pintou Limpeza são dois projetos que encaixam na filosofia do GGIM. Com as ruas iluminadas a sensação de segurança é maior e os criminosos ficam inibidos. Com a cidade limpa, prédios públicos com a manutenção em dia, as pessoas pensam duas vezes antes de cometerem crimes de depredação, por exemplo.”

A primeira reunião do GGIM ocorreu nas dependências do gabinete do prefeito e contou a com a presença do comandante interino do 30º Batalhão da Polícia Militar, Major Daniel Gonçalves, o comandante do Corpo de Bombeiros, tenente-coronel Nehumeir, José Carlos Melo delegado do 1º DP de Mauá, comandante da GCM, Leonardo Silva dos Reis, representantes do Conseg (Conselho de Segurança) e o presidente da OAB (Ordem dos Advogados do Brasil) subseção Mauá, Jozelito de Paula.

Deixe seu comentario

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*