Esportes, Futebol, Libertadores

Mais dois brasileiros avançam, e país pode atingir recorde na Libertadores

O futebol brasileiro tem mais dois clubes classificados para as oitavas de final da Libertadores. Ontem (17), Santos e Atlético-PR conseguiram avançar para a próxima fase com resultados conquistados fora de casa.

Mesmo com a eliminação do Flamengo no torneio continental, o Brasil ainda pode ter um recorde de times na próxima fase. O máximo que o país conseguiu classificar foram seis clubes em 2013.

Antes de paulistas e paranaenses, o Brasil já tinha um representante na fase mata-mata da competição. Na semana passada, o Atlético-MG conseguiu a vaga com uma rodada de antecipação. Na última terça-feira, a equipe assegurou a liderança de sua chave e poderá fazer a partida de volta das oitavas de final como mandante.

A rodada foi positiva também para a Chapecoense. De virtual eliminada, a equipe ganhou do Lanús por 2 a 1, fora de casa, pelo Grupo 7, e agora depende apenas de uma vitória sobre o Zulia, em Chapecó, na próxima terça-feira, para também se classificar.

Atualmente, está na terceira colocação com sete pontos – mesma pontuação do Lanús. O líder é Nacional-URU, que soma oito pontos. Argentinos e uruguaios se enfrentam na última rodada.

Hoje, o Botafogo pode ser o quarto time do país classificado se vencer o Atlético Nacional, às 21h45, no Engenhão. Palmeiras e Grêmio também estão perto da vaga. As duas equipes entram em campo na próxima semana e só dependem de seus resultados para avançarem.

Sofrimento

As classificações de Santos e Atlético-PR foram conquistadas de forma dramática. O Santos conseguiu a vaga na altitude de 3.600 m de La Paz, na Bolívia. Com um a menos desde os 22 minutos do primeiro tempo após a expulsão do atacante Bruno Henrique, o time dirigido por Dorival Júnior teve de se superar e empatou por 1 a 1. O rival desperdiçou um pênalti com Pablo Escobar, aos 40 minutos do segundo tempo.

O gol santista foi marcado pelo meia Vitor Bueno, aos 25 minutos da etapa complementar. Na etapa inicial, o time boliviano saiu na frente com Chumacero.

Com o empate, o Santos chegou a nove pontos e depende apenas de uma vitória na última rodada para assegurar a liderança de sua chave. Na terça-feira, pega o já eliminado Sporting Crystal, às 21h45, na Vila Belmiro.

O Atlético-PR obteve a sua vaga com uma vitória sobre a Universidad Católica por 3 a 2. Os três gols foram marcados nos últimos 15 minutos de jogo por Eduardo da Silva, Douglas Coutinho e pelo meia Carlos Alberto.

Com o triunfo, a equipe chegou a dez pontos – mesma pontuação do San Lorenzo, que terminou na ponta do Grupo 4 pelos critérios de desempate (melhor saldo de gols, 0 contra -1). O time obteve a classificação com uma vitória sobre o Flamengo por 2 a 1.

O Flamengo está eliminado. Depois de passar praticamente o jogo inteiro classificado para as oitavas de final do torneio, a equipe rubro-negra sofreu um gol nos acréscimos do segundo tempo e perdeu para o San Lorenzo por 2 a 1, de virada, ontem, em Buenos Aires, pelo Grupo 4.

Com o resultado, a equipe dirigida pelo técnico Zé Ricardo somou nove pontos – um a menos que o time argentino e o Atlético-PR, os classificados. Se o time paranaense tivesse empatado com a Universidad Católica – venceu por 3 a 2 -, os cariocas se classificavam.

O Flamengo era apontado como um dos candidatos ao título da competição. A equipe manteve a base do ano passado, quando ficou na terceira colocação do Brasileiro, e contratou reforços pontuais, como o atacante Berrío, do Atlético Nacional; o volante Rômulo e o argentino Conca, que ainda não estreou. O time, porém, sentiu a falta do meia Diego, que sofreu uma lesão no joelho e ficou fora das três últimas partidas do torneio.

 

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*