Copa do mundo, Esportes

Messi faz três gols e põe Argentina na Copa do Mundo; Uruguai e Colômbia se garantem

Lionel Messi só joga pelo Barcelona. Lionel Messi não canta o hino nacional. Lionel Messi é espanhol, não argentino.

Lionel Messi, 30 anos, cinco vezes eleito o melhor jogador do mundo, cansou de ouvir acusações em sua terra natal cada vez que algo dava errado pela seleção argentina. Muitas coisas deram nos últimos três anos, o que culminou com o país olhando para o abismo de não ir para a Copa do Mundo de 2018 antes da última rodada das Eliminatórias sul-americanas.

Ontem (10), quando a equipe mais precisou, Messi colocou a bola debaixo do braço e praticamente sozinho classificou o país para o Mundial do próximo ano. O craque fez os três gols da vitória de virada da Argentina por 3 a 1 sobre o Equador, em Quito – no primeiro lance, aos 35 segundos de jogo, Ibarra fez o gol do time da casa.

O Mundial de 2018 será a última chance que Messi terá para disputar o torneio em alto nível, no auge da carreira. O craque terá condições de ir ao Catar, em 2022. Porém, quando acontecer, terá 35 anos. Como é natural em todos os jogadores de futebol, estará na curva descendente da carreira. A Rússia é sua grande oportunidade de ser campeão.

Outros jogos

Com gol de Paolo Guerrero, o Peru empatou por 1 a 1 com a Colômbia ontem, em Lima, em duelo direto por um lugar no Mundial.

O resultado confirmou a vaga dos visitantes e mandou os donos da casa para a repescagem – vão enfrentar a Nova Zelândia, campeã do qualificatório da Oceania.

No Centenário lotado, em Montevidéu, o Uruguai confirmou sua classificação e a segunda posição ao superar a Bolívia por 4 a 2 de virada.
Com os resultados da rodada, bastava ao Paraguai vencer a Venezuela no Defensores del Chaco, em Assunção, para ir à repescagem, mas a equipe foi derrotada por 1 a 0.

Deixe seu comentario

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*