Mattos usa 7 a 1 para defender Cuca e afirma que Palmeiras não contrata mais | Diário Regional

Mattos usa 7 a 1 para defender Cuca e afirma que Palmeiras não contrata mais

15/07/2017 2:14
Print Friendly

Alexandre-mattosEm meio a críticas e à turbulência que se instalou no Palmeiras após a derrota para o Corinthians, o diretor executivo Alexandre Mattos resolveu falar. O dirigente convocou coletiva de imprensa no lugar de Cuca justamente para defender o técnico.

O cartola usou até mesmo o trágico 7 a 1 sofrido pela seleção brasileira diante da Alemanha em 2014 para criticar o imediatismo nas críticas.

“Desde quarta até agora estão fazendo aquele processo que a gente conhece no Brasil. Perde um jogo e todo amor e convicção acabam. Se a gente não mudar isso, nunca vai entender o 7 a 1. Cuca, em minha opinião, é o melhor treinador do Brasil. Falam que o Cuca inventa, mas não inventa, é criativo”, afirmou.

“Cuca chegou aqui e teve zero treinamento com o time ideal. Zero! Porque o treinamento aqui é descanso por causa do calendário. Ninguém disse que o Palmeiras ganharia tudo. Quem disse não era do Palmeiras. Criou-se essa expectativa pelo trabalho sério e pelos investimentos sérios que o Palmeiras tem feito. Porque aqui não tem loucura de antecipar receita. Preciso lembrar que, dois anos atrás, o Palmeiras estava lutando para não cair”, completou.

Mattos descartou contra­tar mais para fazer o Palmeiras reagir e disse que só o tempo poderá fazer a equipe conseguir a classificação na Copa do Brasil e na Libertadores. Segundo o cartola, Deyverson foi a última aquisição.

O diretor ainda aproveitou para defender também o momento de Borja, contratado por R$ 35 milhões, mas que não conseguiu deslanchar.

“É preciso dar tempo ao tempo. O Borja foi escolhido o Rei das Américas. Todos o pediam. Torcida, diretoria, imprensa e até jogadores pediram para contratá-lo. Agora é preciso dar tempo. Borja é jogador que tem explosão muscular, que precisa da bola na frente. Não adianta cobrar se a bola não chega nele”, analisou Mattos.

Palavras-chave:


Comente esta matéria


Atenção! O comentário aqui postado é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do Diário Regional. Comentários discriminatórios ( contra raça, sexualidade, cor, crença e outros) , que violem a lei, a moral e os bons costumes poderão ser denunciados pelos internautas , removidos ou não publicados pela redação.
%d blogueiros gostam disto: