Centro Cultural Diadema recebe a mostra 'Fotografia e Felicidade' | Diário Regional

Centro Cultural Diadema recebe a mostra ‘Fotografia e Felicidade’

13/07/2017 6:26
Print Friendly

Foto: Divulgação/Mauro PedrosoO que a fotografia tem a ver com nossas vidas? Esse tema tem mexido com os alunos do curso Fotografia e Felicidade, ministrado pelo fotógrafo de Diadema Mauro Pedroso. O projeto começou há uma década com Pedroso, que é fotojornalista, foto documentarista, publicitário e artista visual. Trabalhando na Secretaria de Comunicação de Diadema há 24 anos, percebeu que a cidade tinha muita cultura em seu cotidiano. Sempre observando a cidade e todas suas nuances, resolveu mudar o foco desse olhar.

Essa mudança rendeu muitos frutos ao fotógrafo e à cidade, como o prêmio no Museu de Arte Contemporânea de São Paulo, exposição no Metrô Paraíso e Clínicas, mostra no SESC São Caetano, publicação do foto documentário “Craques da Bola Futebol de Várzea”, na Revista Fotografe Melhor, Caros Amigos, além de duas Viradas Culturais, a primeira com um coletivo fotográfico e a segunda com exposição na Praça da Moça.

Foto: Divulgação/Maria LaudiaAgora, Pedroso repassa essa experiência bem-sucedida para os alunos do Curso Fotografia e Felicidade, que tem o foco voltado para as coisas boas da vida. São dois meses, um na Associação dos Funcionários Públicos e outro no Parque do Paço, período em que os alunos aprendem a “ver o que outros não veem”. “A proposta da formação é despertar aspectos do campo sensorial e espacial, além de transformar os alunos em verdadeiros caçadores de imagens, mostrando a vida com todos os seus nuances”, afirma o professor.

Já na terceira turma e na segunda exposição, o curso propõe foto documentário desses dois lugares no estilo arte visual, possibilitando criação infinita e sem barreiras. O resultado do curso pode ser conferido na exposição “Fotografia e Felicidade”, que está no Centro Cultural Diadema até dia 17. A mostra é uma homenagem ao pai de Pedroso, que também foi fotojornalista e cinegrafista na Globo e na Rede Record, bem como no cinema, com Primo Carbonari.

Foto: Divulgação/Kelly MarcondesParticipam da mostra, nove alunas da primeira e segunda turmas que atingiram o objetivo da fotografia feliz. Agora o próximo passo é a doação digital das imagens para o Centro de Memória do município, e a formação de um coletivo fotográfico com a linguagem foto documentário e estilo arte visual. São 70 fotografias em cor, no tamanho 20 x 30 cm.

Serviço – A exposição vai até dia 17, no Centro Cultural Diadema, rua Graciosa, 300 – Centro. Informações pelo telefone 4056 – 3366.

Palavras-chave:


Comente esta matéria


Atenção! O comentário aqui postado é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do Diário Regional. Comentários discriminatórios ( contra raça, sexualidade, cor, crença e outros) , que violem a lei, a moral e os bons costumes poderão ser denunciados pelos internautas , removidos ou não publicados pela redação.
%d blogueiros gostam disto: