Vilão dos anos 1980, Balthazar rouba a cena em "Meu Malvado Favorito 3" | Diário Regional

Vilão dos anos 1980, Balthazar rouba a cena em “Meu Malvado Favorito 3”

30/06/2017 6:30
Print Friendly

Foto: DivulgaçãoGru, o vilão mais amável do cinema, está de volta -agora, em dose dupla. Na animação “Meu Malvado Favorito 3”, que estreou em cerca de 1.300 salas espalhadas por todo o Brasil, o ex-malvado descobre ter um irmão gêmeo, que quer aprender a ser vilão. Ambos os personagens são dublados por Leandro Hassum.

No longa, dirigido por Kyle Balda e Pierre Coffin, Gru, que deixou de ser mau já no primeiro filme da franquia, lançado em 2010, enfrenta dificuldades após fracassar em uma missão para prender o vilão Balthazar Bratt (dublado por Evandro Mesquita), um astro dos anos 1980 que se ressente por ter sido esquecido por Hollywood e decide roubar um diamante gigantesco.

Por não conseguir capturá-lo, Gru é demitido da Liga Antivilões junto da mulher, Lucy (voz de Maria Clara Gueiros).

A partir de então, ele se vê frustrado por decepcionar as filhas, Agnes, Margo e Edith.

As três, aliás, ganham mais espaço no novo filme, após terem conquistado fãs nas últimas produções da série.
Em meio a dificuldades, o ex-vilão descobre a existência de um irmão gêmeo e decide viajar para conhecê-lo pessoalmente. Com uma vasta cabeleira loira e cheio da grana, Dru ostenta uma mansão, inúmeros carros e um arsenal de armas que faz o irmão querer reviver os tempos de vilania.

No entanto, Gru resiste à tentação e se recusa a praticar maldades, para a tristeza do irmão, que sonha em aprender com ele a arte de ser mau.

Tudo muda quando os dois saem para testar um dos carros de Dru e se envolvem em uma confusão após roubarem doces. Gru resolve, então, aproveitar a parceria do irmão gêmeo para tentar reaver o diamante tomado por Balthazar, a fim de recuperar seu posto de agente secreto.

Atrapalhados, os dois precisam contar com a ajuda de Lucy para não meterem os pés pelas mãos nessa nova missão.

A personagem feminina ganha destaque na terceira parte da animação. “A Lucy se casou e, agora, além de agente secreta, é uma mulher que busca desenvolver seu lado feminino. Ela tenta conquistar as filhas do Gru e, ao mesmo tempo, agradar ao marido”, explica a atriz Maria Clara Gueiros. “Com esse lado mais mocinha dela eu me identifico bastante”, completa.

O vilão

É ao som de “Bad”, de Michael Jackson, que o público é apresentado a Balthazar Bratt, o vilão de “Meu Malvado Favorito 3”.

Com um visual que remonta à década de 1980, o malvado usa ombreiras enormes, corte de cabelo com mullet -curto na frente e mais comprido atrás-, bigode e tênis de cano alto. Para completar, ele enfrenta seus inimigos com passos de dança e usa chiclete como arma para imobilizá-los.

Famoso na infância, Bratt foi rejeitado por Hollywood ao se tornar um adolescente cheio de espinhas.

Revoltado, ele envereda para o caminho do mal e rouba um diamante gigante. Com isso, o vilão passa a ser perseguido pela Liga Antivilões, em que Gru e Lucy (vozes de Leandro Hassum e Maria Clara Gueiros) trabalham como agentes secretos.

Dublado por Evandro Mesquita, Balthazar rouba a cena e garante boas risadas na terceira parte da animação.
“Tive que fazer três vozes para o personagem, já que ele começa criança, vira adolescente e termina adulto”, conta o cantor, que diz ter se divertido no trabalho. “Foi um barato! Assisti à pré-estreia com a minha filha de dez anos, a Alice, e mais 15 amiguinhas. De vilão, passei a herói.”

Palavras-chave:


Comente esta matéria


Atenção! O comentário aqui postado é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do Diário Regional. Comentários discriminatórios ( contra raça, sexualidade, cor, crença e outros) , que violem a lei, a moral e os bons costumes poderão ser denunciados pelos internautas , removidos ou não publicados pela redação.
%d blogueiros gostam disto: