Brasileirão, Esportes, Futebol

Corinthians recebe o Bahia antes de ‘primeira final’ do Brasileiro

Jadson retorna ao time após ser poupado no domingo. Foto: Marco Galvão/Fotoarena/FolhapressFosse apenas para defender sua liderança no Campeonato Brasileiro, o jogo de hoje (22) do Corinthians contra o Bahia, às 19h30, na arena de Itaquera, já seria para lá de importante. Porém, por se tratar do duelo que antecede o confronto direto com o Grêmio, o segundo colocado, a partida ganhou maior tensão.

Alvinegros e gaúchos farão no próximo domingo, em Porto Alegre, o duelo que já está sendo tratado como a primeira “final” do campeonato de pontos corridos. Afinal, independentemente dos resultados de hoje, os dois vão se encarar como líder e vice-líder da competição.

Vencer os baianos, portanto, tornou-se uma obrigação para os corintianos, ainda mais porque o time gaúcho também jogará hoje, um pouco mais tarde, às 21h, contra o Coritiba. Ganhar, então, é uma forma de pressionar os gremistas.

Neste momento, a diferença entre os rivais é mínima. Apenas um ponto deixa os corintianos na ponta da classificação (20 contra 19).

A notícia que dá confiança à Fiel é que o treinador Fábio Carille vai poder mandar a campo a equipe que considera ideal. Com a volta do meia Jadson após ser poupado na última rodada, o Corinthians jogará com força máxima diante do Bahia, algo que só havia conseguido diante da Chapecoense, na primeira rodada do campeonato.

Em Porto Alegre, por outro lado, o Grêmio terá ao menos dois desfalques para enfrentar o Coxa.

“É muito bom para o Carille ter todos os jogadores. Fica mais fácil para montar o time”, destacou Jadson. “Porém, também já mostramos, com a saída de alguns jogadores, a força do grupo. Quem teve a oportunidade de entrar correspondeu à altura e manteve o nível da equipe”, ressaltou.

Mesma pegada

De fato, mesmo lidando com desfalques ora por lesões ora por convocações, o Corinthians manteve a mesma pegada. Desde o confronto com a Chapecoense, quando empatou por 1 a 1, a equipe somou 19 pontos em sete partidas, com seis vitórias e um empate, que alçaram o alvinegro à liderança.

O desempenho expressivo ajudou o Corinthians a completar mais de três meses sem derrotas. O último revés foi sofrido contra a Ferroviária, pela fase de classificação do Campeonato Paulista. A invencibilidade so­ma 21 jogos.

 

CORINTHIANS x BAHIA

Ár­bi­tro: Dewson Fernando Freitas da Silva (PA/Fifa). Estádio: Arena Corinthians, em São Paulo, às 19h30 (pay-per-view).

CORINTHIANS

Cássio; Fagner, Balbuena, Pablo e Guilherme Arana; Gabriel, Maycon, Rodriguinho e Jadson; Jô e Romero. Técnico: Fábio Carille.

BAHIA

Jean; Eduardo, Tiago, Lucas Fonseca e Matheus Reis; Renê Júnior, Juninho, Vinicius, Zé Rafael e Allione; Edigar Júnio. Técnico: Jorginho.

 

Deixe seu comentario

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*