Copa do Brasil, Esportes

Dudu treina pela primeira vez em 20 dias, mas escalação ainda é dúvida para o técnico Cuca

Dudu fez trabalho no gramado da Academia de Futebol. Foto: Cesar Greco/Agência PalmeirasDudu voltou a treinar com bola no Palmeiras. O camisa 7 não fazia um trabalho no gramado desde o dia 31 de maio, quando se machucou na partida contra o Internacional, pela rodada de ida da Copa do Brasil.

O atacante participou das atividades comandadas por Cuca ontem (19), inclusive de um coletivo em campo reduzido, mas ainda é dúvida para o jogo das 21h de amanhã (21) contra o Atlético-GO justamente pelo tempo de inatividade. Até então, apenas fazia fisioterapia e fortalecimento.

O retorno do capitão ainda significa uma “boa dor de cabeça” para o treinador, uma vez que Keno e Roger Guedes, que atuam na mesma função, vivem bom momento no Palmeiras.

Os dois foram destaques do time na primeira vitória atuando fora de casa no Brasileirão, no último domingo, com goleada por 4 a 2 dos palmeirenses sobre o Bahia. A dupla e os demais titulares apenas fizeram trabalho regenerativo na parte interna da Academia de Futebol.

Edu Dracena e Zé Roberto, que foram poupados de domingo para evitar desgaste, também foram a campo no treino de ontem.

Se pode receber esses reforços para a partida de amanhã no Allianz Parque, Cuca certamente não contará com Felipe Melo, que está no departamento médico, e com Willian, que foi suspenso pelo terceiro cartão amarelo. Borja deve voltar a ser titular pela primeira vez em um mês.

Contratação mais cara da história do Palmeiras, feita com a ajuda do grupo Crefisa, Miguel Borja parece ter virado um mero coadjuvante na lista de atacantes do técnico Cuca.

Chegou ao ponto de, no domingo, na partida contra o Bahia, o jogador – que custou R$ 34 milhões – sequer ser chamado para entrar na etapa final. Foi a primeira vez que isso ocorreu com o colombiano desde que perdeu espaço

Deixe uma resposta