Brasileirão, Esportes, Futebol

Palmeiras volta a jogar mal e perde para o Coritiba

O Palmeiras, de Felipe Melo, voltou a perder no Brasileiro. Foto:  Joka Madruga/Futura Press/FolhapressDesfalcado de alguns de seus principais jogadores, o Palmeiras voltou a jogar mal ontem (7) e perdeu por 1 a 0 para o Coritiba no Couto Pereira, no Paraná.

Com o resultado, o time chegou a quatro jogos sem vencer em cinco partidas do Brasileiro e ocupa no momento a 16ª colocação, aproximando-se da zona de rebaixamento, com quatro pontos. Com a vitória, o Coritiba chegou a 12 pontos e assumiu provisoriamente a vi­ce-liderança da competição.

Com jogadores como Du­du, Jean, Guerra e Edu Dracena poupados por problemas físicos, além de Mina e Borja convocados pela seleção colombiana, o técnico Cuca teve de recorrer a alternativas diversas no banco de reservas. O treinador deu chance aos laterais Mayke e Egídio e aos zagueiros Juninho e Antonio Carlos no setor defensivo.

No meio-campo, apostou em Thiago Santos, Felipe Melo e Tchê Tchê, ao passo que no ataque foram escalados Keno, Willian e Michel Bastos.

No primeiro tempo, a estratégia funcionou razoavelmente. O Palmeiras atacou mais que o Coritiba e chegou mais perto de abrir o placar, mas falhou nos passes próximos à intermediária adversária e nas finalizações. Nos contra-ataques, Felipe Melo se destacou na criação de jogadas. Porém, o time da casa encaixou a marcação sobre o adversário com o passar do tempo e levou perigo em cobrança de falta de Tiago Real.

Depois do intervalo, o Coritiba fez um gol rapidamente e mudou o panorama do jogo. Aos seis minutos, o zagueiro Marcio fez lançamento do campo de defesa e a bola chegou no meia Matheus Galdezani, que ganhou do lateral Mayke na velocidade. O goleiro Fernando Prass se posicionou mal e deixou a meta aberta para sofrer o único gol da partida.

Os jogadores do Palmeiras acusaram o golpe, passaram a errar passes simples e a sofrer com contra-ataques. Depois do gol sofrido, transformaram o goleiro Wilson praticamente em um espectador do confronto.

O Coritiba esteve mais próximo de ter uma vitória mais elástica. Tiago Real passou por Antonio Carlos e cruzou para Iago – que, debaixo das traves, chutou para fora.
Testado no segundo tempo, Hyoran chutou de longe nos últimos minutos de jogo e obrigou Wilson a se esticar para fazer defesa no canto.

Na próxima rodada, no sábado, o Palmeiras recebe o Fluminense no Allianz Parque, às 16h. O Coritiba, por sua vez, enfrenta o Botafogo no domingo, no Rio, às 11h.

 

CORITIBA 1 x 0 PALMEIRAS

Gol: Matheus Galzedani, aos 6 do 2º tempo. Ár­bi­tro: Braulio da Silva Machado (SC). Renda: R$ 569.410 (16.648 pagantes). Es­tádio: Couto Pereira, em Curitiba, ontem.

CORITIBA

Wilson; Dodô, Werley, Márcio e William Matheus; Alan San­tos, Matheus Galdezani (Jonas) e Tiago Real; Rildo (Wallison Maia), Henrique Almeida (Iago Dias) e Kleber. Técnico: Pachequinho.

PALMEIRAS

Prass; Mayke (Róger Guedes), Antônio Carlos, Juninho e Egídio (Hyoran); Thiago Santos (Raphael Veiga) e Felipe Melo; Tchê Tchê, Michel Bastos e Keno; Willian. Técnico: Cuca.

 

Deixe uma resposta