Brasileirão, Esportes, Futebol

Corinthians atropela o Santos no 2º tempo e seguir líder do Brasileiro

Jô comemora seu sexto gol em clássicos. Foto: Daniel Augusto Jr./Agência CorinthiansO Corinthians não deu chance para o Santos no segundo tempo e ganhou do arquirrival neste sábado (3), na Capital paulista, por 2 a 0. Depois de empatar por 0 a 0 nos primeiros 45 minutos, os donos da casa dominaram as ações no segundo tempo e construíram o placar. Romero abriu o placar e Jô, chamado de rei dos clássicos, fez o segundo.

Com o resultado, o Corinthians está na liderança do Campeonato Brasileiro, com dez pontos, enquanto o alvinegro praiano se manteve apenas com três pontos conquistados em quatro rodadas na competição. Na próxima jornada do nacional, o Corinthians enfrenta o Vasco, na quarta-feira, fora de casa. No fim de semana, a equipe disputa outro clássico, desta vez com o São Paulo. O Santos enfrenta o Botafogo na quarta-feira, no Pacaembu, e joga com o Atlético-PR, em Curitiba, no domingo.

O Santos teve uma boa chance de abrir o placar aos seis minutos do primeiro tempo. O time da Vila Belmiro fez a jogada pela direita e, após cruzamento na área, Pablo furou. A bola sobrou para Bruno Henrique, que não conseguiu fazer a finalização.

Depois de ver o Santos ter o domínio das ações nos primeiros instantes do jogo, o Corinthians equilibrou a partida. Aos 18 minutos, por exemplo, os donos da casa tiveram a oportunidade de marcar. Aos 18 minutos, a equipe trocou passes com Rodriguinho e Fagner, O lateral entrou na área e tentou o arremate, mas foi travado por David Braz.

O Santos levou perigo ao gol do Corinthians aos 23 minutos. Bruno Henrique construiu a jogada pela esquerda e tentou encontrar Ricardo Oliveira dentro da área. Porém, o goleiro Cássio fez a defesa, em dois tempos.

No segundo tempo Corinthians tentou pressionar o adversário nos primeiros instantes. Logo aos três minutos, Rodriguinho arriscou o chute e, por pouco, não venceu o goleiro Vanderlei, que viu a bola sair para fora.

A pressão do Corinthians dava resultado e a torcida até chegou a comemorar um gol de Rodriguinho, mas a alegria durou pouco. Aos dez minutos, após cobrança de escanteio, Pablo desviou de cabeça e a bola sobrou para o meia – que, impedido, mandou para o gol e o árbitro anulou o tento.

Mais uma vez a torcida comemorou um gol, que não valeu. Aos 16 minutos, Pedro Henrique, de cabeça, tinha feito o gol. O árbitro Anderson Daronco chegou até a correr para o centro do campo. Porém, foi chamado pelo auxiliar, que viu Romero, em posição de impedimento, atrapalhar o goleiro Vanderlei. Por isso, o tento foi anulado.

O Corinthians manteve o domínio das ações e foi premiado com o gol. O lateral Fagner mandou o cruzamento para a área, o atacante Jô deu a assistência para o artilheiro Romero marcar o seu. Aos 27 minutos do segundo tempo, Jô marcou o seu gol. Desta vez, fez o seu com estilo. Jadson cruzou, Rodriguinho tocou e o artilheiro acertou um belo giro e mandou para o fundo das redes do Santos.

 

CORINTHIANS 2 X 0 SANTOS

Gols: Romero, aos 24, e Jô, aos 27 minutos do segundo tempo. Árbitro: Anderson Daronco (RS). Renda: R$ 2.110.601,50 (40.169 pagantes). Cartões vermelho: Bruno Henrique. Estádio: Arena Corinthians, neste sábado à noite.

CORINTHIANS
Cássio; Fagner, Pedro Henrique, Pablo e Guilherme Arana; Gabriel e Maycon (Camacho); Jadson (Clayson), Rodriguinho (Fellipe Bastos) e Romero; Jô. Técnico: Fábio Carille.

SANTOS
Vanderlei, Victor Ferraz, David Braz (Yuri), Lucas Veríssimo e Copete; Renato, Thiago Maia e Vladimir Hernández (Rafael Longuine); Vitor Bueno, Bruno Henrique e Ricardo Oliveira (Rodrigão). Técnico: Dorival Júnior.

 

Deixe seu comentario

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*