Corinthians sofre mais uma eliminação em Itaquera | Diário Regional

Corinthians sofre mais uma eliminação em Itaquera

20/04/2017 2:10
Print Friendly

Sob o olhar incrédulo dos corintianos, jogadores do Inter comemora classificação. Foto: Ale Cabral/AGIF/FolhapressO Corinthians voltou a ser eliminado em um jogo mata-mata no Itaquerão. Ontem (19), a equipe alvinegra perdeu para o Internacional por 4 a 3, nos pênaltis, após empate no tempo normal por 1 a 1, e caiu na quarta fase da Copa do Brasil.

É a quinta eliminação do time em torneios mata-mata em seu estádio, que foi inaugurado em 2014. Antes, a equipe havia caído diante de Palmeiras e Audax, nas semifinais do Paulista de 2015 e 2016, respectivamente, e também para Guaraní-PAR e Nacional-URU, pelas oitavas de final da Copa Libertadores de 2015 e 2016.

O time volta a campo no próximo domingo (23), quando terá mais um confronto mata-mata no Itaquerão. A equipe dirigida por Fábio Carille vai enfrentar o São Paulo, pela partida de volta da semifinal do Paulista. No jogo de ida, o alvinegro venceu por 2 a 0 no Morumbi.

O jogo

Diante do Internacional, o Corinthians dominou a maior parte da partida e criou chances, mas não soube aproveitá-las. Clayton e Jô perderam oportunidades sozinhos, dentro da área. Maycon abriu o placar após cobrança de lateral e desvio de Jô, aos sete minutos do primeiro tempo. O Internacional empatou aos 26 da segunda etapa graças a um desvio do lateral Fagner em chute de Nico López.

Após sofrer o gol, Fabio Carille arriscou. Tirou o volante Gabriel e colocou o meia-atacante Marquinhos Gabriel. Deu espaço para os gaúchos que também poderiam ter desempatado a partida. Para sorte dos corintianos, Nico López, Diego e Brenner foram fominhas e tentaram chutar em lances que deveriam ter dado o passe.

Acostumado a vencer sem sofrer gols na temporada, os problemas defensivos corintianos surpreenderam, principalmente porque o Internacional forçou o jogo no setor de Guilherme Arana. Cássio evitou a eliminação uma vez, ao defender a cobrança de Leo Ortiz. Porém, só assistiu a Guilherme Arana chutar para fora e decretar a vitória do Internacional por 4 a 3.

Guilherme Arana mira São Paulo, mas admite ‘chateação’ com pênalti perdido

Guilherme Arana admitiu estar “chateado” após a eliminação do Corinthians para o Internacional na quarta fase da Copa do Brasil, em São Paulo. Coube ao lateral bater – para fora – o pênalti que decidiu o jogo a favor dos gaúchos, que levaram a melhor nas cobranças por 4 a 3. No tempo regulamentar, houve empate por 1 a 1.

Após o jogo, com a fala mansa, tentou se manter concentrado. A meta era evitar o abatimento antes do jogo contra o São Paulo no domingo, pelas semifinais do Campeonato Paulista. Os dois times se enfrentam na Arena Corinthians após a vitória alvinegra no Morumbi por 2 a 0.

“É bola para frente. Domingo tem mais uma decisão”, disse Arana. “Sou trabalhador, e pode ter certeza de que vou dar meu máximo dentro de campo. Sei de minha capacidade. A gente fica chateado de sair da Copa do Brasil com um erro, mas minha família está sempre junto.”

 

CORINTHIANS 1 (3) X 1 (4) INTERNACIONAL

Gols: Maycon, aos 7 do 1º tempo; Fagner (contra), aos 26 da 2ª etapa. Árbitro: Mar­­ce­lo de Lima Henrique. Estádio: Arena Co­rinthians, em Sao Paulo, ontem à noite.

CORINTHIANS

Cássio; Fagner, Balbuena, Pablo e Guilherme Arana; Gabriel (Marquinhos Gabriel) e Maycon; Jadson, Rodriguinho e Romero (Clayton); Jô.  Técnico: Fábio Carille.

INTERNACIONAL

Marcelo Lomba; William, Léo Ortiz, Victor Cuesta e Uendel; R.Dourado, Anselmo e Felipe Gutiérrez (Carlos); Roberson (Valdívia), Nico López (Diego) e Brenner. Técnico: Zago.

 

Palavras-chave:


Comente esta matéria


Atenção! O comentário aqui postado é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do Diário Regional. Comentários discriminatórios ( contra raça, sexualidade, cor, crença e outros) , que violem a lei, a moral e os bons costumes poderão ser denunciados pelos internautas , removidos ou não publicados pela redação.
%d blogueiros gostam disto: