Paulo Skaf defende propaganda do Sesi/Senai | Diário Regional

Paulo Skaf defende propaganda do Sesi/Senai

26/04/2014 7:46
Print Friendly

Skaf negou que seja campanha política antecipada. Foto: Eberly Laurindo especial para o DRO presidente da Federação das In­dústrias do Estado de São Paulo (Fiesp) e pré-can­didato do PMDB ao go­verno paulista, Paulo Skaf, defendeu ontem (25) a campanha publicitária institucional na qual aborda projetos da entidade. Segundo Skaf, a propaganda tem como objetivo mostrar ao público que o sistema Sesi/Senai é “bancado” pela indústria paulista e não pelo poder público. Skaf negou que seja campanha política antecipada.

“Diria que todas as campanhas do Fiesp foram criadas em audiências públicas, foram acompanhadas por estudos, por grandes batalhas que dão resultado positivo. É uma campanha para mostrar que são iniciativas da indústria. Por isso a necessidade de minha aparição como porta-voz da indústria e presidente do Sesi/Senai”, explicou.

No início de março, Paulo Skaf foi proibido de aparecer na propaganda veiculada no rádio e na televisão pela Justiça Eleitoral de São Paulo. O orçamento da Fiesp com propaganda neste ano é de R$ 32 milhões.
Skaf considera que existe “desespero” de seus adversários na eleição deste ano. “Quando você tem o poder durante 20 anos, fica arrepiado quando sente que tem alguma coisa no ar. Eu até entendo essas reações apavoradas e a tentativa de ir para o caminho do ‘tapetão’, tentando atingir os seus objetivos não pelo convencimento das pessoas até o dia da eleição e do voto, mas misturando uma coisa que não tem nada a ver com a outra”, afirmou Skaf, referindo-se ao PSDB, que ocupa o Palácio dos Bandeirantes desde 1995.

Bons exemplos
Segundo o empresário, a propaganda visa mostrar bons exemplos à população. “(A campanha) ‘Exemplo a ser seguido’ foi muito boa. Em um momento que temos tantos maus exemplos, nós apresentamos bons exemplos. Então, eu diria que a missão foi bem cumprida e nada tem a ver com aspectos políticos”, concluiu Skaf.

Palavras-chave:


Comente esta matéria


Atenção! O comentário aqui postado é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do Diário Regional. Comentários discriminatórios ( contra raça, sexualidade, cor, crença e outros) , que violem a lei, a moral e os bons costumes poderão ser denunciados pelos internautas , removidos ou não publicados pela redação.
%d blogueiros gostam disto: