'Despossuídos' viram tema de exposição inédita em São Bernardo | Diário Regional

‘Despossuídos’ viram tema de exposição inédita em São Bernardo

24/04/2014 7:15
Print Friendly

Indigentes, prostitutas e viciados são fontes de inspiração para as obras. Foto: DivulgaçãoA Biblioteca de Arte Ilva Aceto Maranesi abre para visitação, de amanhã (25) a 31 de maio, a exposição “A Cor dos Despossuídos”, de Bruna Zanqueta. Segundo a artista, os seis quadros em óleo sobre tela (1m x 80 cm) retratam seu inconformismo com as injustiças sociais. A exposição é inédita, pois é a primeira vez que as telas saem do ateliê da artista, em Itapecerica da Serra.

“As telas transmitem de alguma forma sua relação com os desprivilegiados: pobres, prostitutas, indigentes, viciados”, conta Bruna. Figuras tristes, desesperadas ou de olhar desconfiado preenchem um vazio cheio de esperança. Trata-se de série de retratos imaginários elaborados com grande preocupação sobre os problemas sociais contemporâneos.

“Não tive uma formação acadêmica, mas com o tempo percebi que não é preciso estudar para se sensibilizar com o que acontece ao nosso redor. Basta sair às ruas e observar essas pessoas para notar a diferença brutal entre as classes sociais. Isso causa inquietação, nos deixa angustiados”, disse.
Nascida no Bairro Jerusalém, em São Bernardo, a jovem artista de 24 anos conta que a pintura surgiu em sua vida meio que por acaso. “Tinha 18 anos, estava meio perdida, não sabia se entrava numa faculdade para ter uma profissão e ganhar grana. Na época estudava na Fundação Santo André e, pouco antes de fecharem o Diretório Acadêmico, tinham criado um ateliê de pintura. Comecei a fazer alguns desenhos, me animei e passei para a pintura e não parei até ser convidada (pelo artista Gontran Guanaes Netto) para participar do ateliê aqui em Itapecerica.”

Segundo Bruna, que é membro/fundadora da Escola Livre de Ciências Humanas e Artes, em Itapecerica, esta é sua primeira exposição individual. Terá a torcida da família e amigos, que moram em São Bernardo, na abertura da exposição. “Minha mãe estará presente e já disse que vai preparar uns quitutes. Estou muito feliz. Sinto uma responsabilidade imensa, não por ser minha primeira exposição, mas porque, como artistas, temos papel importante na sociedade.”

Serviço – Exposição “A Cor dos Despossuídos”, de Bruna Zanqueta. Biblioteca de Arte Ilva Aceto Maranesi (Rua Kara, 105, Jardim do Mar). Abertura: hoje (24), às 19h. Visitação de amanhã a 31 de maio, às terças, quartas, sextas-feiras e sábados, das 9h às 17h; às quintas-feiras, das 9h às 20h. Mais informações pelo telefone 4125-2379.

 

Palavras-chave:


Comente esta matéria


Atenção! O comentário aqui postado é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do Diário Regional. Comentários discriminatórios ( contra raça, sexualidade, cor, crença e outros) , que violem a lei, a moral e os bons costumes poderão ser denunciados pelos internautas , removidos ou não publicados pela redação.
%d blogueiros gostam disto: