Ademílson ganha nova chance no S.Paulo | Diário Regional

Ademílson ganha nova chance no S.Paulo

23/04/2014 7:16
Print Friendly

Ademílson foi titular do São Paulo pela última vez há cerca de 30 dias. Foto: ArquivoPela terceira vez no ano, o São Paulo não terá Luis Fabiano, artilheiro do time com 12 gols. Fabuloso será poupado hoje (23) da partida contra o CRB, em Maceió, para evitar lesão. Assim, a missão de fazer gols no confronto pela segunda fase da Copa do Brasil deve ser de Ademílson, centroavante reserva.

Ontem, o jogador fez trabalho específico de finalizações com Pato, Boschilia e Maicon. Os arremates são o principal ponto fraco de Ademílson, na visão do treinador Muricy Ramalho. Na atividade ele não empolgou e fez poucos gols.

A falta de gols em jogos também fez a torcida perder a paciência com o jogador. Ademílson sempre foi um dos favoritos do ex-presidente Juvenal Juvêncio por ter sido revelado na base do clube e por ser destaque nas seleções sub-17 e sub-20.

Porém, o atacante natural de Cubatão sempre teve altos e baixos. Encerrou 2013 e iniciou 2014 como titular. Porém, com três gols em 16 jogos, já vive em baixa de novo. A última vez como titular foi há 30 dias, quando Muricy escalou só reservas contra o Botafogo-SP. Ademílson fez um gol na vitória por 2 a 0.
Hoje, sua presença visa só cobrir Luis Fabiano. Ademílson não é o homem de confiança de Muricy, que até já pressionou a diretoria para contratar outro centroavante. A entrada de Ademílson preservará a formação usada domingo, nos 3 a 0 sobre o Botafogo, pelo Brasileiro.

O técnico gostou do desempenho com os meias Boschilia e Ganso juntos. Hoje, se vencer o CRB por dois ou mais gols de diferença, o São Paulo elimina o jogo de volta.

“Todos os dentes”
Ao ser questionado pela rádio Bandeirantes se o meia Kaká é a cara do São Paulo, o presidente Carlos Miguel Aidar respondeu com humor. “Ele tem a cara do São Paulo. É alfabetizado, tem todos os dentes na boca, fala bem, joga bem, faz gols, mas não tem como competir com árabes e chineses. Se der para trazê-lo, é um jogador que cai feito uma luva”, disse.

Kaká retornou ao Milan nesta temporada, após quatro anos sem destaque no Real Madrid. O jogador tem contrato de mais uma temporada com o clube italiano e dificilmente será liberado sem custos. Aidar prometeu reforçar o São Paulo para a disputa do Campeonato Brasileiro, cujo título é sua prioridade, mas admitiu que não deseja aumentar os gastos com futebol.

Palavras-chave:


Comente esta matéria


Atenção! O comentário aqui postado é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do Diário Regional. Comentários discriminatórios ( contra raça, sexualidade, cor, crença e outros) , que violem a lei, a moral e os bons costumes poderão ser denunciados pelos internautas , removidos ou não publicados pela redação.
%d blogueiros gostam disto: