Diadema incentiva desarmamento infantil | Diário Regional

Diadema incentiva desarmamento infantil

17/04/2014 8:43
Print Friendly

Em 2013, evento de lançamento reuniu dezenas de alunos na Praça da Moça -  Foto: Divulgação/Marcos LuisAs Secretarias de Educação e de Defesa Social da Prefeitura de Diadema iniciaram na última segunda (14), a 12ª edição da Campanha do Desarmamento Infantil. Na ocasião, 416 alunos da Escola Municipal Professor Paulo Freire receberam a visita dos integrantes da Guarda Civil Municipal.

Na data, os guardas tiveram um bate-papo com os alunos para explicar a campanha e como a ação ajuda na criação de uma cultura de paz. Ontem (16), houve o recolhimento das armas de brinquedo e os desenhos temáticos. Cada arma foi trocada por revistas da Editora Panini. Entre os 15 mil títulos que serão distribuídos, estão: “Álbum da Copa do Mundo”, “Histórias do Pelezinho,” “Mônica”, “Bidu”, “Ronaldinho Gaúcho”, “Scooby-Doo”, “Desenhos para Colorir”, “Patati-Patata”, “Curiosidades”, “Saiba Mais”, “Vingadores” e “Almanaque da Mônica”.

A ideia este ano é que a campanha percorra as escolas da rede, realizando palestras em um dia para alunos e pais e voltando posteriormente para recolher as armas de brinquedo e fazer as trocas por revistas. Ao longo de 2014, os 14.212 alunos de 18 escolas de Ensino Fundamental e de Educação Infantil, entre 4 e 10 anos, receberão as palestras para desestimular o uso de armas de brinquedo. Cada escola terá um local para depósito das armas, que serão destruídas simbolicamente, por rolo compressor, em evento a ser marcado no segundo semestre.

Após a destruição, o material recolhido será enviado às unidades de reciclagem do Programa Vida Limpa, que realiza a coleta seletiva de resíduos sólidos por meio de grupos organizados de catadores, com o objetivo de geração de trabalho e renda, diminuição da destinação final de resíduos sólidos para aterro e preservação do meio ambiente.

Participação

De acordo com o inspetor-chefe e idealizador da Campanha, José Vicente de Oliveira Neto, o primeiro dia da campanha contou com a participação da comunidade onde está situada cada escola. “Os pais ficaram muito animados em participar da nossa atividade de recolhimento das armas de brinquedo”, afirmou. “Muitos deles vêm às escolas por onde passamos para ajudar os filhos a fazer os desenhos que serão entregues para a exposição temática que estamos organizando”, completou.

O GCM ressalta que os alunos farão panfletagem com temas da Campanha no segundo semestre deste ano para comerciantes e população. Também estão previstas visitas das escolas localizadas no Centro do município à sede da Guarda. Diadema é um dos poucos municípios brasileiros a contar com lei que proíbe a comercialização de armas de brinquedo em seu território (Lei 1430 de Julho de 1995).

Desde 2002 a campanha já realizou a troca de 20 mil armas de brinquedo pela mesma quantidade de revistas infantis, além da entrega de 95 mil desenhos temáticos pelas crianças. No total as armas renderam quatro toneladas de materiais enviados para o Programa Vida Limpa, de reciclagem de materiais sólidos.



Comente esta matéria


Atenção! O comentário aqui postado é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do Diário Regional. Comentários discriminatórios ( contra raça, sexualidade, cor, crença e outros) , que violem a lei, a moral e os bons costumes poderão ser denunciados pelos internautas , removidos ou não publicados pela redação.
%d blogueiros gostam disto: