Funcionários da Fundação Casa decidem manter paralisação | Diário Regional

Funcionários da Fundação Casa decidem manter paralisação

16/04/2014 7:00
Print Friendly

Trabalhadores rejeitaram aumento de 3,97%. Foto: Sitraemfa Em assembleia realizada ontem (15) pela manhã, trabalhadores ligados ao Sitraemfa – sindicato que representa os trabalhadores da Fundação Casa – decidiram manter a greve realizada pela categoria desde o último dia 10. Segundo o sindicato, que afirma representar mais de 5 mil dos 12 mil funcionários da Fundação Casa, a proposta do governa paulista continua a mesma e não foi aceita pelos trabalhadores.

As principais reivindicações da classe são aumento do piso salarial, reajuste real de 53,63%, reposição de perdas, isonomia do plano de cargos e salários e segurança nos locais de trabalho. A Fundação Casa propõe reajuste salarial de 3,97%, aumento no vale refeição e vale alimentação, além da criação de uma agenda mensal permanente de negociações sobre as questões de segurança e modelo socioeducativo.

Greve na Justiça
Na última semana, o Tribunal Regional do Trabalho determinou que 70% dos funcionários de cada um dos 148 centros da Fundação Casa espalhados pelo Estado de SP permaneçam em atividade para não prejudicar o serviço prestado. Caso haja descumprimento da decisão, será aplicada multa diária de R$ 100 mil ao sindicato. Segundo o Sitraemfa, o porcentual vem sendo respeitado durante a greve.

Palavras-chave:


Comente esta matéria


Atenção! O comentário aqui postado é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do Diário Regional. Comentários discriminatórios ( contra raça, sexualidade, cor, crença e outros) , que violem a lei, a moral e os bons costumes poderão ser denunciados pelos internautas , removidos ou não publicados pela redação.
%d blogueiros gostam disto: