Senador vai à Justiça contra Dilma por propaganda eleitoral antecipada | Diário Regional

Senador vai à Justiça contra Dilma por propaganda eleitoral antecipada

06/04/2014 5:51
Print Friendly

SÃO PAULO – Pré-candidato do PSDB à Presidência, o senador Aécio Neves (MG) disse na tarde de ontem (5) que a oposição vai à Justiça Eleitoral contra a presidente Dilma Rousseff (PT), alegando que usou o cargo para fazer propaganda eleitoral antecipada.

Para o PSDB, Dilma pediu votos durante uma entrevista a uma rádio de São José do Rio Preto (SP). A presidente esteve na cidade ao lado do pré-candidato do PT ao governo de São Paulo, Alexandre Padilha para entregar unidades do Minha Casa Minha Vida e aproveitou a ocasião para ressaltar que lançaria o Programa de Aceleração do Crescimento (PAC) 3 e que incluiria um contorno ferroviário de 40 km na região no programa.

“No meu governo, em 2014, é impossível (concluir a obra). Porém, deixo engrenadinho, com contrato feito para o PAC 3”, afirmou a presidente, segundo transcrição publicada pelo jornal “O Estado de S. Paulo”. “Se eu tiver um segundo mandato… se votar em mim… Não é isso que eu estou discutindo. Uma obra de ferrovia não termina em 2014”, concluiu a presidente.



Comente esta matéria


Atenção! O comentário aqui postado é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do Diário Regional. Comentários discriminatórios ( contra raça, sexualidade, cor, crença e outros) , que violem a lei, a moral e os bons costumes poderão ser denunciados pelos internautas , removidos ou não publicados pela redação.
%d blogueiros gostam disto: