Aécio: ‘no ABC, PT vai provar seu veneno’ | Diário Regional

Aécio: ‘no ABC, PT vai provar seu veneno’

06/04/2014 7:43
Print Friendly

Aécio e Morando, ao lado de autoridades políticas, pedem apoio a Alckmin - Foto: Eberly Laurindo especial para o DR“O PT trata o ABC como um curral eleitoral, porque acham que as pessoas que moram aqui não têm capacidade de avaliar o que está acontecendo com o Brasil”. Foi com essa frase que o senador e pré-candidato a presidência da República, Aécio Neves (PSDB), resumiu a forma como pensam os petistas que atuam no Congresso Nacional, ontem (5), durante evento em São Caetano e que reuniu as principais lideranças do PSDB de todo o Estado. Em um discurso de quase dez minutos, o senador revelou que, desde agosto do ano passado, tentou buscar uma agenda para fazer uma visita à região, prometeu retornar durante a campanha eleitoral que tem início a partir de julho e, antes de encerrar a fala, disse acreditar no potencial econômico do ABC.

Aécio evitou pedir apoio de forma direta para sair vitorioso nas urnas durante o pleito de outubro. O senador preferiu focar seu discurso em críticas envolvendo o governo da presidente Dilma Rousseff (PT) em relação aos recentes escândalos envolvendo a Petrobras. Munidos com bandeiras do PSDB, camisetas estampada com o nome do pré-candidato e cartazes com frases de efeito, os mais de 2 mil militantes que lotaram o pequeno espaço em um importante buffet na cidade aplaudiram de pé a cada discurso inflamado de Aécio.

“Sempre ouvi falar as lideranças do PT como um curral eleitoral fechado. Venho aqui (no ABC) para dizer que vão provar do próprio veneno. O ABC é constituído de gente capaz, inteligente, trabalhadora e vem percebendo o mal que o PT vem fazendo ao Brasil. Voltaremos outras vezes no ABC, porque acredito ser uma região que podemos dar uma boa surpresa em nossos adversários. Hoje (ontem), estou aqui para convocá-los para tirarmos o Brasil das mãos desse grupo político que se apoderou do estado brasileiro em benefício próprio”, disse Aécio, aplaudido pela militância.

Ainda durante o discurso, o senador pediu empenho para que o governador Geraldo Alckmin seja reconduzido a mais quatro anos à frente do Palácio dos Bandeirantes e impedir que ex-ministro da Saúde Alexandre Padilha seja eleito governador do Estado pelo PT. “Quem vai fazer um governo que vai ampliar ou fortalecer a indústria e resgatar o processo de crescimento do Brasil é o PSDB, porque o PT fracassou. Me entreguem a vitória em São Paulo que darei a presidência da República a vocês”, destacou o tucano.

CPI da Petrobras

Ao fim do evento que durou pouco mais de uma hora, Aécio concedeu entrevista coletiva. Aos jornalistas, o senador voltou a defender a necessidade de abertura de uma Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) para apurar as denúncias de irregularidades na Petrobras desde 2005. Na próxima terça-feira (8), o PSDB entrará com uma ação no Supremo Tribunal Federal (STF) para tentar garantir a instauração de uma comissão para apurar as suspeitas. “É vergonhosa a tentativa do governo de impedir que ocorram as investigações em relação à Petrobras. É algo grave e estou confiante de que o STF vai garantir a instalação da CPI da Petrobras. A presidente da República deveria ser a maior interessada em esclarecer os fatos”, finalizou o pré-candidato.

Lideranças do PSDB criticam governo da presidente Dilma Rousseff

O ABC recebeu ontem (5) o presidente nacional do PSDB, senador Aécio Neves. “Esta minha visita ao ABC, além de ver os companheiros, receber os apoios que tenho recebido aqui, como o do deputado Orlando Morando, que para mim são muito estimulantes, é simbólica. Venho aqui para dizer que ninguém é dono do voto e nem da consciência do trabalhador brasileiro”, pontuou.

As principais lideranças do PSDB na região aproveitaram o discurso inflamado do senador e pré-candidato à presidência da República, para também criticar a forma de governo da presidente Dilma Rousseff (PT). Unanimes quanto à necessidade de apurar as suspeitas de irregularidades envolvendo a Petrobras, os tucanos se comprometeram a ampliar o trabalho político no ABC para PSDB seja reconduzido ao comando do país.

“O (ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva) Lula indicou uma gerentona para ficar em seu lugar e estamos vendo um desastre na economia. Estão quebrando o Brasil. Quebraram a Petrobras e a Dilma é a responsável. O ABC é um celeiro da economia e estamos juntos no projeto do Aécio. Nossa obrigação é aumentar a diferença (nas pesquisas) e dar lavada nas urnas”, destacou Morando.

Segundo o deputado, “é o momento de mudança, de acabar com a corrupção, como por exemplo, o mensalão, os problemas com a Petrobras e não permitir que a inflação volte a atormentar o povo brasileiro”.

“Não podemos admitir que o Brasil seja governado por mentiras. O modelo do atual governo está destruindo o nosso país Se em um partido que consegue fazer justiça e governar direito é o PSDB. As pessoas não querem apenas Bolsa Família, mas uma justiça social. E o PSDB, o Aécio, tem capacidade de oferecer uma justiça social aos brasileiros”, avaliou o deputado federal William Dib.



1 Comentário

  • Palmeirense RP

    O PT gosta de tratar a população como idiotas,achando que todo mundo é bobo e não tem crítica, acha que se o Lula falou o cidadão vai atrás, Não é assim não! Eles PT’s defendem quem não presta e acha que todos devem fazer o mesmo, por isso chegamos nest situação que ninguém respeita a nada nem a ninguém neste Brasil, culpa do Lula!

Comente esta matéria


Atenção! O comentário aqui postado é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do Diário Regional. Comentários discriminatórios ( contra raça, sexualidade, cor, crença e outros) , que violem a lei, a moral e os bons costumes poderão ser denunciados pelos internautas , removidos ou não publicados pela redação.
%d blogueiros gostam disto: