Palmeiras vence o Vilhena e avança à 2ª fase | Diário Regional

Palmeiras vence o Vilhena e avança à 2ª fase

03/04/2014 4:40
Print Friendly

Bruno César comemora um de seus dois gols na vitória sobre o Vilhena. Foto: Ale Frata/Frame/FolhapressApós a eliminação no Campeonato Paulista, para o Ituano, o Palmeiras mostrou poder de reação ao vencer o Vilhena-RO por 2 a 0, ontem (2), no Pacaembu, pelo jogo de volta da primeira fase da Copa do Brasil. Como já havia vencido o primeiro duelo por 1 a 0, os palmeirenses avançaram à próxima fase do torneio mata-mata. Agora, esperam o vencedor do confronto entre Interporto-TO e Sampaio Corrêa-MA. No jogo de ida, houve empate por 2 a 2. O segundo encontro acontece na semana que vem, no dia 9 de abril.
O destaque da vitória foi o meia Bruno César, autor dos dois gols da equipe paulista na partida. Porém, apesar da boa vantagem no placar, o time da casa não fez boa apresentação, correu alguns riscos diante de um adversário fraco e só chegou aos dois gols no final do segundo tempo.

Devido à fragilidade do adversário, o Palmeiras teve pouca intensidade na partida e não jogou bem no primeiro tempo. Além do desinteresse no confronto, faltou movimentação dos meias, descida dos laterais e, principalmente, acerto nos passes. Também colaborou o fato de o time alviverde estar sem nove titulares, incluindo o meia Valdivia e o atacante Alan Kardec.

Além disso, o time palmeirense errava bastante na parte defensiva, deixando espaços entre as linhas do meio-campo e da defesa. Com isso, os visitantes, apesar de fracos tecnicamente, conseguiram ameaçar o gol defendido por Bruno em algumas oportunidades.

Com o setor ofensivo pouco inspirado, coube ao volante Marcelo Oliveira criar a melhor chance de abrir o placar antes do intervalo. O jogador tabelou com Mendieta, invadiu a grande área, cortou a marcação e chutou forte, mas o goleiro Dalton evitou o gol.

Ritmo lento
O segundo tempo começou em ritmo lento. O cenário beneficiava o time de Rondônia, que criou duas excelentes chances. Aos 12, Jal girou sobre Lúcio e chutou rasteiro, mas o goleiro Bruno fez a defesa. Depois, o zagueiro Tayrão cabeceou a bola na trave, após cobrança de falta.

A entrada de Marquinhos Gabriel no lugar de Mendieta foi fundamental para a reação alviverde. Após bela jogada pelo lado direito do ataque, ele tocou para Bruno César chutar rasteiro e fez 1 a 0, aos 27 minutos.
Quatro minutos depois, Bruno César recebeu lançamento e, ao se antecipar do goleiro Dalton, foi derrubado dentro da grande área. Ele mesmo fez a cobrança e definiu a vitória.

Palavras-chave:


Comente esta matéria


Atenção! O comentário aqui postado é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do Diário Regional. Comentários discriminatórios ( contra raça, sexualidade, cor, crença e outros) , que violem a lei, a moral e os bons costumes poderão ser denunciados pelos internautas , removidos ou não publicados pela redação.
%d blogueiros gostam disto: