Para Márcio Ribeiro, três pontos bastam para garantir classificação | Diário Regional

Para Márcio Ribeiro, três pontos bastam para garantir classificação

30/03/2014 8:15
Print Friendly, PDF & Email

Ribeiro: “No Inamar, o Água Santa é difícil de ser batido”. Foto: Eberly Laurindo especial para o DRO técnico do Água Santa, Márcio Ribeiro, acredita que mais três pontos bastam à equipe para garantir a classificação à segunda fase da Série A3 do Campeonato Paulista. Com a vitória conquistada ontem (29) por 1 a 0 sobre o Juventus, no Estádio do Inamar, o Netuno subiu para 28 e permanece na quarta posição, a um ponto do terceiro colocado Novorizontino.

Ribeiro lembrou que a equipe não perde há oito jogos na competição. “O crescimento era esperado. Infelizmente, tivemos um confronto adiado em casa (contra o Taubaté, na primeira rodada) e a sequência de jogos fora não foi favorável, mas a equipe cresceu na hora certa. Agora, temos três partidas para buscar os pontos que faltam para a classificação e vamos consegui-los com muita humildade”, afirmou o técnico – que, antes de iniciar a competição, estabeleceu 28 pontos como meta para obter a vaga.

A equipe volta a campo na próxima quarta-feira para enfrentar o São Carlos, fora de casa, às 19h. Depois recebe o Rio Preto sábado, novamente no Inamar, e encerra a participação na fase de classificação contra o Santacruzense, no dia 13, em Santa Cruz do Rio Pardo.

O técnico afirmou que deu uma bronca nos jogadores no vestiário durante o intervalo e, felizmente, a equipe respondeu em campo. “No Inamar, o Água Santa é muito difícil de ser batido”, afirmou Ribeiro, que destacou a força do conjunto do Netuno na competição – jogadores como Marcelinho têm entrado bem no segundo tempo. “Hoje joga uma equipe e amanhã joga outra, mas o grupo tem dado conta do recado.”

Cícero
Um dos heróis do vice-campeonato da Segunda Divisão conquistado em 2013 pelo Água Santa, o zagueiro Cícero pôde matar saudade do ex-clube ontem – o atleta defende as cores do Juventus na Série A3. Cícero tem os direitos federativos pertencentes ao clube da Mooca e, no ano passado, foi emprestado ao Netuno. Após o excepcional campeonato realizado em Diadema, o clube paulistano exigiu seu retorno para a disputa da Série A3. “O Água Santa me deu muitas alegrias. Foi uma ótima passagem”, lembrou.

Cícero lamentou a campanha apenas razoável do Juventus na Série A3. A equipe ocupa a 13ª posição, com 19 pontos, e ainda corre risco de rebaixamento – o Santacruzense, 17º, tem 15 pontos. “Infelizmente, os resultados não têm aparecido, mas não podemos desanimar, porque ainda há chances de classificação e, enquanto houver esperança, a gente vai batalhar”, afirmou.

Palavras-chave:


Comente esta matéria


Atenção! O comentário aqui postado é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do Diário Regional. Comentários discriminatórios ( contra raça, sexualidade, cor, crença e outros) , que violem a lei, a moral e os bons costumes poderão ser denunciados pelos internautas , removidos ou não publicados pela redação.
%d blogueiros gostam disto: