Kleina disputa vaga em 100º jogo no Verdão | Diário Regional

Kleina disputa vaga em 100º jogo no Verdão

30/03/2014 7:51
Print Friendly, PDF & Email

Gilson Kleina: “acredito que conseguimos qualificar o elenco”. Foto: Cesar Greco/Agência PalmeirasHá um ano e três dias, só alguém muito otimista poderia imaginar que Gilson Kleina chegaria aos cem jogos como técnico do Palmeiras em uma semifinal do Campeonato Paulista. Os vexatórios 6 a 2 diante do Mirassol, pela edição 2013 do torneio, em 27 de março, deixaram o treinador bem próximo da demissão. Porém, Kleina ficou, firmou-se e já é o 16º técnico em número de partidas no comando do Palmeiras.

Com a marca de hoje (30), na partida contra o Ituano, às 18h30, Kleina já deixa para trás Telê Santana (97) e Jair Picerni (82) entre os técnicos que mais vezes dirigiram o time. Com mais 45 jogos, marca que pode atingir antes do fim do ano, se fizer boa campanha na Copa do Brasil, pode ultrapassar Amílcar Barbuy (144) e entrar para o top 10 dos treinadores que mais vezes comandaram a equipe.

Se fez bem para Kleina, que aos poucos consolida-se como técnico de ponta, a permanência dele também foi boa para o Palmeiras. “A continuidade do Kleina, certamente, é muito importante para estarmos neste momento, a três jogos de um possível título”, disse o capitão Fernando Prass. “Porém, a permanência dos jogadores também foi relevante. Criamos um grupo unido, e isso é mérito de todos”, acrescentou.

A base foi mantida, é verdade. Porém, a chegada de reforços foi fundamental. Em relação ao time que foi goleado pelo Mirassol, só Fernando Prass, Wesley, Leandro e Juninho ainda estão no grupo. “Nossa ideia sempre foi qualificar o elenco, e acho que conseguimos”, afirmou Gilson Kleina.

Sem problemas
O Palmeiras fez na tarde de ontem (29) o último treinamento antes da semifinal contra o Ituano. O torcedor palmeirense recebeu uma boa e uma má notícia após o treino. O meia Valdivia está na lista dos jogadores relacionados para o jogo e parece recuperado de um inchaço no tornozelo direito. Já Wendel sofreu uma lesão e é desfalque.

O chileno virou dúvida por causa de um grande inchaço em seu pé direito, em decorrência de sucessivas pancadas sofridas na partida contra o Bragantino, quinta-feira, pelas quartas de final. Apesar das dores, fez um teste ontem e chegou-se a conclusão que pode ir para a partida.

O lateral, por sua vez, sofreu microlesão na coxa direita e desfalcará o time. O volante França, com dores na panturrilha, também continua fora. Sem Wendel, Tiago Alves pode ser deslocado para a lateral e Wellington pode entrar na zaga.

A despeito dos problemas no primeiro dia de venda de ingressos, na última sexta-feira, quando o site saiu do ar por algumas vezes, o Palmeiras espera esgotar a carga total de 36,6 mil entradas.

Palavras-chave:


Comente esta matéria


Atenção! O comentário aqui postado é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do Diário Regional. Comentários discriminatórios ( contra raça, sexualidade, cor, crença e outros) , que violem a lei, a moral e os bons costumes poderão ser denunciados pelos internautas , removidos ou não publicados pela redação.
%d blogueiros gostam disto: