Câmara de São Bernardo recebe audiência sobre o projeto Drenar | Diário Regional

Câmara de São Bernardo recebe audiência sobre o projeto Drenar

26/03/2014 6:00
Print Friendly

SÃO BERNARDO – Cerca de 50 empresários e comerciantes da região central de São Bernardo se reuniram ontem (25) com o secretário de Serviços Urbanos, Tarcisio Secoli, para conhecer os detalhes do Programa Drenar, conjunto de intervenções que visa a resolver o problema das enchentes na cidade. O encontro foi realizado na Câmara.

“Temos seis grandes obras de drenagem em São Bernardo: no Centro, Saracantan (Nova Petrópolis), Silvina, Ipiranga/Vivaldi, Ca­puava (Demarchi) e Pindorama (Jordanópolis). O Drenar é um programa importantíssimo para resolver a questão das enchentes e que envolve todo o município”, destacou o secretário.

São quase R$ 300 milhões em investimentos apenas nas obras previstas para a região central. Serão construídos reservatórios de contenção, estações elevatórias, galerias subterrâneas na rua Jurubatuba e um piscinão subterrâneo no Paço, com capacidade para armazenar 220 milhões de litros de água. Também serão feitas obras de canalização de córregos e microdrenagem de vias.

Etapas

A obra do Centro foi dividida em cinco partes. Na primeira será executada em até 16 meses a galeria da avenida Aldino Pinotti, próximo ao Shopping Metrópole. O piscinão do Paço deverá ser entregue até dezembro de 2015, enquanto o túnel da rua Jurubatuba (que vai do piscinão do Paço à Rua Príncipe Humberto) será construído em 26 meses. Por último serão inauguradas a galeria de contenção de águas pluviais na rua Jurubatuba e obras de microdrenagem nas vilas Gonçalves, Duzi, Euclides e Jardim do Mar.

Durante o período de obras, algumas ruas serão desviadas ou mesmo fechadas. Agentes de trânsito ficarão encarregados de orientar os motoristas.



Comente esta matéria


Atenção! O comentário aqui postado é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do Diário Regional. Comentários discriminatórios ( contra raça, sexualidade, cor, crença e outros) , que violem a lei, a moral e os bons costumes poderão ser denunciados pelos internautas , removidos ou não publicados pela redação.
%d blogueiros gostam disto: