Com escolha de comitês de empresa, metalúrgicos do ABC iniciam eleição | Diário Regional

Com escolha de comitês de empresa, metalúrgicos do ABC iniciam eleição

25/03/2014 10:53
Print Friendly

O Sindicato dos Metalúrgicos do ABC realiza hoje (25) e amanhã o primeiro turno do processo eleitoral que vai eleger a nova diretoria da entidade para o triênio 2014/2017. Atualmente, a entidade possui cerca de 70 mil filiados em São Bernardo, Diadema, Ribeirão Pires e Rio Grande da Serra.

Na primeira fase, os metalúrgicos vão às urnas, nas fábricas onde trabalham, para eleger, por meio de voto direto, 280 representantes de 93 Comitês Sindicais de Empresa (CSEs) e o do Comitê Sindical dos Aposentados (CSA). Desses comitês saíra a direção executiva.

Na próxima sexta-feira, a comissão eleitoral divulgará os representantes eleitos. No segundo turno, que será realizado nos dias 7 e 8 de maio, a base elege o presidente, a direção executiva e o conselho fiscal. A posse da nova diretoria ocorre no dia 19 de julho.

O presidente do sindicato e da Agência de Desenvolvimento Econômico do ABC, Rafael Marques, destacou a importância do processo eleitoral e do modelo sindical da entidade, baseado na representação no local de trabalho. “O sindicato começa no local de trabalho. Todos têm de passar pelo teste das urnas nas fábricas. Ninguém é integrante da diretoria plena sem ser, inicialmente, testado na fábrica onde trabalha”, comentou o dirigente.

O calendário eleitoral, as empresas onde haverá Comitê Sindical e os integrantes da comissão eleitoral foram definidos pelos metalúrgicos durante assembleia realizada no início de fevereiro, com a participação de cerca de 1.600 trabalhadores. A partir de então foram realizadas várias assembleias de mobilização nas fábricas, a fim de convocar os metalúrgicos a participar da eleição.

Histórico

As eleições no Sindicato dos Metalúrgicos do ABC começaram a se diferenciar das demais eleições sindicais na década de 1980, quando o sindicato começou a eleger Comissões de Fábrica. A criação dos CSEs foi aprovada no 2º Congresso dos Metalúrgicos do ABC em 1997.

A primeira eleição realizada neste modelo ocorreu em 1999, quando foram escolhidos 190 dirigentes em 69 Comitês Sindicais. Atualmente existem CSEs em 80 empresas.

Rafael Marques assumiu o sindicato em novembro de 2012, depois que o então presidente, Sérgio Nobre, deixou o cargo para assumir a secretário-geral da Central Única dos Trabalhadores (CUT). A base do sindicato tem mais de 100 mil trabalhadores.



Comente esta matéria


Atenção! O comentário aqui postado é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do Diário Regional. Comentários discriminatórios ( contra raça, sexualidade, cor, crença e outros) , que violem a lei, a moral e os bons costumes poderão ser denunciados pelos internautas , removidos ou não publicados pela redação.
%d blogueiros gostam disto: