Sob gritos de 'fora Dilma', Congresso adia análise de 12 vetos presidenciais | Diário Regional

Sob gritos de ‘fora Dilma’, Congresso adia análise de 12 vetos presidenciais

19/03/2014 10:36
Print Friendly, PDF & Email

Patriota: “o Parlamento está desmoralizado” - Foto: ArquivoBRASÍLIA – Sob vaias de entidades municipalistas, gritos de “fora Dilma” e reclamações de deputados, o Congresso Nacional adiou na noite de ontem (18) a votação de 12 vetos da presidente Dilma Rousseff, entre eles o que derrubou as novas regras para a criação de cidades. A sessão foi transferida para abril após os líderes do Senado fecharem acordo para esvaziar a votação. O Senado atendeu um apelo do Planalto para discutir proposta alternativa ao projeto que libera a criação de 269 municípios.

Com discursos inflamados, os deputados questionaram a posição dos Senadores, sendo que apenas quatro senadores compareceram à votação. “É lamentável esse gesto dos senadores”, disse o líder do PPS, Rubens Bueno (PR). O deputado Gonzaga Patriota (PSB-PE) reforçou o discurso. “O Parlamento está desmoralizado”. Marcos Rogério (PDT-RO) afirmou que a manobra era um “estelionato político”.

Essa é a segunda vez que o Congresso adia a votação sobre regras para municípios. O governo negocia uma alternativa para evitar a derrubada do veto. O Palácio do Planalto vai enviar ao Congresso um novo projeto que restringe o surgimento de novas cidades ao determinar que os municípios sejam criados preferencialmente nas regiões Norte e Nordeste – que têm menor densidade demográfica.

Como o Planalto ainda não conseguiu apoio integral da base aliada no Senado ao projeto, a estratégia será adiar sua votação por mais 30 dias.



1 Comentário

  • marco antonio

    Essa guerrilheira esta de brincadeira ela tem é que acabar com os Municipios de so dão prejuizo vevem as custas dos impostos dos estados que são auto suficientes isso é manobra eleitoeira só para ganhar votos no norte e nordeste acorda Brasil

Comente esta matéria


Atenção! O comentário aqui postado é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do Diário Regional. Comentários discriminatórios ( contra raça, sexualidade, cor, crença e outros) , que violem a lei, a moral e os bons costumes poderão ser denunciados pelos internautas , removidos ou não publicados pela redação.
%d blogueiros gostam disto: