Projetos ambientais na fábrica da Volkswagen do Brasil em São Carlos geram economia de 4,4 milhões de litros de água por ano | Diário Regional

Projetos ambientais na fábrica da Volkswagen do Brasil em São Carlos geram economia de 4,4 milhões de litros de água por ano

17/03/2014 12:26
Print Friendly

Fábrica da Volkswagen do Brasil em São Carlos é referência em gestão ambiental no Grupo Volkswagen - Foto: DivulgaçãoA fábrica da Volkswagen do Brasil em São Carlos, referência em gestão ambiental no Grupo Volkswagen, conquistou nos últimos doze meses avanços significativos em preservação dos recursos naturais e consumo consciente.

A unidade implementou diversos projetos para redução do consumo de água e energia elétrica, sob a coordenação de um comitê interno composto por executivos e empregados de todas as áreas da unidade. Considerando apenas as duas ações de maior impacto, a fábrica conquistou uma economia de mais de 4,4 milhões de litros de água por ano. Esse volume equivale ao consumo diário de uma cidade como Brotas (a 65 km de São Carlos), de 23 mil habitantes.

“As ações que desenvolvemos com foco em sustentabilidade mostram que as questões ambientais estão inseridas no negócio da empresa e são de grande importância para a companhia. As ações propostas pelo comitê trazem ganhos significativos no que diz respeito a economia dos recursos naturais, nos possibilitando crescer de forma sustentável”, disse Andreas Hemmann, gerente executivo da fábrica de São Carlos.

A iniciativa que proporcionou maior economia de água consistiu na troca de mais de duzentas torneiras convencionais por torneiras automáticas, entre outras melhorias implementadas nos sanitários da fábrica. A ação gerou uma economia de 2,9 milhões de litros de água por ano.

Outro projeto de destaque, realizado em parceria com a Engenharia de Manufatura, consiste na captação da água de chuva para ser utilizada na torre de resfriamento, que é usada para reduzir a temperatura das máquinas no processo produtivo. O processo começa com a captação da água de chuva por meio das calhas do prédio da fábrica. Essa água é filtrada, passa por uma caixa d’água de armazenamento, depois segue para a torre de resfriamento e, a partir desse ponto, é utilizada nas áreas produtivas.

Depois de todo esse circuito, a mesma água ainda passa por um processo de drenagem, para manter a concentração ideal de sais minerais, e é novamente aproveitada para a lavagem dos racks que armazenam os motores produzidos pela fábrica. Com o reaproveitamento de água nesses dois processos, a unidade economiza cerca de 1,54 milhão de litros de água por ano.

Sustentabilidade

A unidade de São Carlos foi a primeira do Grupo Volkswagen fora da Europa a conquistar o certificado ambiental ISO 14001, em 1997, e se tornou referência em gestão ambiental para as demais unidades na América do Sul.

Em 2012, a unidade alcançou mais um avanço na área em outro projeto realizado com a Engenharia de Manufatura com a instalação de uma nova estação de tratamento de efluente industrial, ainda mais eficiente e sustentável, que utiliza uma tecnologia que consiste no tratamento por flotação, o qual consome menor quantidade de produtos de tratamento.

Fábrica de motores

Inaugurada em 12 de outubro de 1996, a fábrica de São Carlos produziu, em seus 17 anos de história, mais de 8 milhões de motores. Para o mercado brasileiro, 100% dos motores recebem a tecnologia bicombustível Total Flex. Para o mercado externo, são produzidos motores parciais que equipam o SpaceFox, na Argentina. A unidade emprega mais de 820 empregados.



Comente esta matéria


Atenção! O comentário aqui postado é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do Diário Regional. Comentários discriminatórios ( contra raça, sexualidade, cor, crença e outros) , que violem a lei, a moral e os bons costumes poderão ser denunciados pelos internautas , removidos ou não publicados pela redação.
%d blogueiros gostam disto: