Gilberto Carvalho diz que revolta do PMDB tem 'certo jogo de cena' | Diário Regional

Gilberto Carvalho diz que revolta do PMDB tem ‘certo jogo de cena’

15/03/2014 12:00
Print Friendly

BRASÍLIA – O ministro Gilberto Carvalho (Secretaria-Geral da Presidência) afirmou ontem (14) que a revolta liderada pela bancada do PMDB na Câmara contra a presidente Dilma Rousseff envolve um “certo jogo de cena” e que a tendência é que os ânimos sejam apaziguados com o anúncio da reforma ministerial.

“É um pouco de jogo de cena, um pouco do teatro político, digamos assim, que é natural”, afirmou, acrescentando ser normal haver tensão em processos como este.

“Quando você toma uma definição, há pessoas felizes, outras menos felizes, mas a tensão tende a baixar. Eu espero que isso ocorra”, afirmou, se referindo à indicação de seis novos ministros na noite de ontem.

Em meio à crise, Carvalho foi convocado para prestar esclarecimentos em três comissões da Câmara sobre convênios do governo federal com ONGs e sobre o financiamento de um evento do Movimento dos Trabalhadores Rurais Sem-Terra (MST) com dinheiro público.

Nesta semana, afirmou que a convocação é normal e faz parte das prerrogativas dos deputados. “Em nome dessa mudança, a gente tem que passar por essas tensões naturais da vida política, da composição. A democracia pressupõe o contraditório, a divergência, a diferença.”

“Ninguém de nós nunca pensou em governar o país com um partido único. Não seria possível, seria antidemocrático”, acrescentou.



Comente esta matéria


Atenção! O comentário aqui postado é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do Diário Regional. Comentários discriminatórios ( contra raça, sexualidade, cor, crença e outros) , que violem a lei, a moral e os bons costumes poderão ser denunciados pelos internautas , removidos ou não publicados pela redação.
%d blogueiros gostam disto: