Palestra e peça trazem reflexão sobre violência contra a mulher | Diário Regional

Palestra e peça trazem reflexão sobre violência contra a mulher

13/03/2014 7:00
Print Friendly

DIADEMA – A programação de eventos relativos ao Mês da Mulher em Diadema (Março Lilás) traz hoje (13) evento organizado pelo Centro de Referência à Mulher em Situação de Violência: Casa Beth Lobo. A atividade, realizada em parceria com a Coordenadoria de Políticas Públicas para as Mulheres, ocorrerá das 9h às 11h30 no auditório do Quarteirão da Saúde (avenida Antonio Piranga, 700 – Centro). O evento é dirigido aos técnicos da rede pública e aberto à população em geral.

“Uma Trajetória Contínua pela Busca da Igualdade de Gênero” é o tema da palestra que terá como debatedores o psicólogo e sociólogo Flávio Urra, experiente profissional em trabalhos pelo fim da violência contra a mulher e a educadora social Maria do Socorro P. Miranda.

O Grupo de Teatro da Casa Beth Lobo, que foi reativado este ano, fará apresentação chamando a atenção sobre a questão da violência e sobre a Lei Maria da Penha, que veio para romper com a impunidade. O grupo está com nove integrantes e a direção artística é de Jurandir de Souza.

Casa Beth Lob

É um Centro de Referência vinculado à Secretaria de Assistência Social e Cidadania que presta atendimento social, psicológico e jurídico às mulheres em situação de violência doméstica e de gênero. O atendimento conta com os grupos de reflexão que visam contribuir com o autoconhecimento e melhoria da autoestima, além de aulas de ioga, que também contribuem para o fortalecimento da mulher. Outras atividades que serão implantadas este ano são os cursos de inclusão digital e inglês. Recentemente foi criado um GT de gênero para programar ações de prevenção à violência contra a mulher na cidade.

 



Comente esta matéria


Atenção! O comentário aqui postado é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do Diário Regional. Comentários discriminatórios ( contra raça, sexualidade, cor, crença e outros) , que violem a lei, a moral e os bons costumes poderão ser denunciados pelos internautas , removidos ou não publicados pela redação.
%d blogueiros gostam disto: