Alunos completam um mês de aula e não receberam uniformes | Diário Regional

Alunos completam um mês de aula e não receberam uniformes

09/03/2014 7:30
Print Friendly, PDF & Email

Maioria das cidades não tem sequer previsão de quando alunos vão receber as peças de roupa. Foto: ArquivoMais de um mês após o início do ano letivo nas redes municipais do ABC, apenas a prefeitura de Mauá já efetuou a entrega dos kits de material escolar. Os uniformes, segundo a prefeitura, devem ser entregues ainda este mês. Nas outras cidades, nem material nem uniforme foram distribuídos e na maioria dos casos, não existe previsão de data para que os alunos recebam os kits.

A corretora de seguros e moradora do Riacho Grande, em São Bernardo, Fernanda Mori Domingos, tem feito verdadeira ginástica com os dois filhos, de 7 e 4 anos, que são alunos da rede municipal. Sem receber os uniformes há três anos, Fernanda gastou no início deste ano cerca de R$ 300 para comprar camisetas e calças em um bazar. “Nem sei se é legal venderem o uniforme da prefeitura, mas penso na segurança deles indo e vindo da escola. É um dinheiro que faz falta, que poderia ser utilizado para outros coisas, mas aqui a gente ainda consegue comprar. Tem muitos colegas deles que estão usando roupas de outros anos, mesmo estando curtas”, afirmou.

Em Mauá, o conjunto de material escolar inclui materiais específicos para cada ano dos alunos e inclui pasta, agenda, apontador, borracha; cadernos, canetas, canetinhas coloridas; cola em bastão, cola colorida, compasso escolar; esquadros, estojo em nylon com zíper, porta-lápis, giz de cera, lápis de cor, massa para modelar, régua, tesoura e outros objetos de uso coletivo. Os uniformes serão entregues ainda este mês, para 18 mil alunos da rede municipal de Educação. Foram investidos R$ 3.526.858,14 na compra de uniformes e R$ 7.735.712,32 nos kits escolares.

Santo André prevê a entrega de 41 mil kits de uniforme e material. Porém, o processo de licitação abrange a aquisição de peças de uniforme para o próximo ano também, em um total de 112 mil kits. A prefeitura não soube precisar o valor que será investido na compra de uniformes, considerando que se trata de um registro de preços na modalidade pregão. No entanto, o valor estimado na aquisição das peças, publicado no edital, é de R$ 20,5 milhões. O prazo de entrega será de dois meses, contados a partir de março.

Os cerca de 26 mil alunos de Diadema também não têm previsão para receber o material de uso em sala e as peças dos uniformes. O processo de licitação ainda está em curso e a prefeitura espera que “não exista mais nenhum entrave para que tudo seja resolvido em breve”. Não existem estimativas de valores.

Ribeirão Pires iniciou na sexta (7) a entrega dos kits de material escolar. Os uniformes estão sendo confeccionados, a um custo estimado em R$ 1,6 milhão. Serão beneficiados mais de 8 mil alunos. Os kits compostos por agasalho, calça, bermuda e camisetas de manga longa e curta também não têm data para ser entregues. A prefeitura não informou os valores gastos com os materiais escolares.

São Bernardo informou que todo o processo de compra de uniforme e material escolar já foi finalizado por parte da administração. “Entretanto, cabe ressaltar que a prefeitura aguarda o cronograma de entrega das empresas, que deve ser feito até o fim de março”. Segundo a nota, todos os alunos e professores vão receber os kits, mas não foi informado nem o total de beneficiados nem o valor investido. Rio Grande da Serra não respondeu aos questionamentos da reportagem até o fechamento da edição.



1 Comentário

  • FRANCISCO

    ESTA MÁFIA DO UNIFORME ESCOLAR PARECE SER MESMO APARTIDÁRIA, VISTO QUE, QUALQUER QUE SEJA O PARTIDO, O PROCEDIMENTO É O MESMO : ATRASO INJUSTIFICADO E SUPERFATURAMENTO.
    ATÉ QUANDO, NÓS CONTRIBUINTES TEMOS QUE TOLERAR ISTO ??

Comente esta matéria


Atenção! O comentário aqui postado é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do Diário Regional. Comentários discriminatórios ( contra raça, sexualidade, cor, crença e outros) , que violem a lei, a moral e os bons costumes poderão ser denunciados pelos internautas , removidos ou não publicados pela redação.
%d blogueiros gostam disto: