Desequilíbrio marca grupos do Paulistão | Diário Regional

Desequilíbrio marca grupos do Paulistão

08/03/2014 14:00
Print Friendly

Luís Fabiano comemora gol contra o Audax: classificação com  apenas 21 pontos - Foto: Marcos Bezerra/Futura Press/Estadão ConteúdoO desequilíbrio entre os quatro grupos em que estão divididos os 20 times da Série A-1 é uma das marcas do Campeonato Paulista de 2014, que adotou fórmula diferente dos anos anteriores, quando era disputado, em sua primeira fase, no sistema de pontos corridos, sem divisão das equipes por chaves.

Na nova fórmula, os times do mesmo grupo não se enfrentam. Cada equipe enfrenta os 15 adversários dos outros três grupos em partidas apenas de ida. Os dois primeiros de cada chave avançam às quartas de final.

A maior diferença se dá na comparação entre os desempenhos dos grupos A, do São Paulo, e B, do Corinthians: enquanto os times do primeiro somaram 69 pontos e 20 vitórias nas 12 primeiras rodadas, as equipes do segundo chegaram a 97 pontos e 28 vitórias.

No Grupo A, o São Paulo, com a vitória sobre o Audax por 4 a 0 na última quarta-feira, garantiu sua classificação para as quartas de final ao chegar a 21 pontos. Faltando três rodadas para o fim da primeira fase, o clube tricolor não pode mais ser ultrapassado pelo terceiro colocado, o Comercial, que tem 11 pontos.

Outra curiosidade: com os 18 pontos que possui na vice-liderança do Grupo A, o Penapolense seria, atualmente, apenas o quarto colocado nos demais grupos.

Por sua vez, o Corinthians, com 20 pontos e campanha quase idêntica à do São Paulo (possui as mesmas seis vitórias), corre sério risco de não se classificar. O alvinegro está em terceiro lugar, a um ponto do Ituano, o segundo colocado, e a cinco do Botafogo, o líder da chave.

Como os times não se enfrentam dentro da chave, o Corinthians não depende mais só dele para avançar de fase – precisa torcer por tropeços de Ituano e Botafogo nas três rodadas finais. Aliás, nunca dependeu só dele – essa é uma das inconsistências de um campeonato em que um time não enfrenta os rivais do mesmo grupo.

Falta um

Dos quatro grandes, apenas o Corinthians ainda não garantiu a sua classificação à fase de mata-mata. Na última quinta-feira, Palmeiras e Santos também garantiram a passagem para as quartas de final ao vencerem, respectivamente, a Portuguesa por 1 a 0 e o Mogi Mirim por 5 a 2.

Na chave do Corinthians, até o lanterna XV de Piracicaba teria chance de se classificar se estivesse em outro grupo. A equipe tem 14 pontos e pode ir a 23 – mais do que, por exemplo, a Penapolense, que tem 18 pontos, é o segundo no grupo do São Paulo e, se a fase terminasse hoje, avançaria às quartas.

 



Comente esta matéria


Atenção! O comentário aqui postado é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do Diário Regional. Comentários discriminatórios ( contra raça, sexualidade, cor, crença e outros) , que violem a lei, a moral e os bons costumes poderão ser denunciados pelos internautas , removidos ou não publicados pela redação.
%d blogueiros gostam disto: