Contratação de Alan Kardec deve ser definida nos próximos dia | Diário Regional

Contratação de Alan Kardec deve ser definida nos próximos dia

08/03/2014 11:45
Print Friendly, PDF & Email

Direitos de Alan Kardec vão custar R$ 13 mi ao Palmeiras - Foto: Cesar Greco/Agência PalmeirasSÃO PAULO – O Palmeiras deve depositar, nos próximos dias, a primeira das quatro parcelas que pagará pela contratação definitiva de Alan Kardec. O clube alviverde vai pagar, no total, R$ 13 milhões pelos direitos federativos do atacante, emprestado ao clube até o fim de julho.

A transação deveria ter acontecido na última semana, mas acabou sendo postergada para a próxima. Contudo, clube e jogador ainda não tem nenhum acerto definido quanto a valores e duração do contrato. Em reunião com o estafe do jogador, o Palmeiras manifestou o desejo de contar com Alan Kardec por cinco anos. Até o momento, o clube ainda não fez proposta formal ao jogador, que já disse desejar seguir no Palmeiras.

Juninho

O lateral-esquerdo Juninho chegou ao Palmeiras em 2012 e, de lá para cá, viveu momentos diversos com a camisa do Verdão. Campeão da Copa do Brasil em seu primeiro ano no clube, o jogador sofreu queda de rendimento junto com o elenco naquela mesma temporada e viu o clube alviverde ser rebaixado à Série B do Campeonato Brasileiro. Agora, em 2014, a atitude do atleta mudou, tanto fora como dentro de campo.

“Aprendi bastante durante esses dois anos que estou aqui. O (Gilson) Kleina e a comissão técnica me dão muita confiança e liberdade. O elenco é maravilhoso e tudo tende a crescer dentro de campo. Fico feliz por iniciar o ano fazendo gols, e pretendo manter isso com o aprendizado dos últimos anos”, disse o lateral palmeirense, que já balançou as redes adversárias três vezes no ano do centenário palestrino.

Assim como boa parte dos jogadores do grupo de 2012, Juninho foi bastante criticado pela torcida do Palmeiras naquela oportunidade, principalmente após o rebaixamento do Verdão à Série B. “Espero nunca mais passar por isso porque foram momentos difíceis em minha vida. O que eu lembro é o aprendizado. Espero apagar essa situação, fazer bons jogos e receber o apoio dos torcedores sempre”, projetou.



Comente esta matéria


Atenção! O comentário aqui postado é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do Diário Regional. Comentários discriminatórios ( contra raça, sexualidade, cor, crença e outros) , que violem a lei, a moral e os bons costumes poderão ser denunciados pelos internautas , removidos ou não publicados pela redação.
%d blogueiros gostam disto: