Santos goleia e também vai ao mata-mata | Diário Regional

Santos goleia e também vai ao mata-mata

07/03/2014 8:07
Print Friendly

Rildo comemorou seu gol sem a camisa e, por isso, levou o terceiro cartão amarelo - Foto: Claudino Código19/Estadão ConteúdoMOGI MIRIM – Assim como o Palmeiras, o Santos também conquistou, ontem (6), a classificação antecipada para a próxima fase do Campeonato Paulista. Pela 12ª rodada da competição, o time comandado por Oswaldo de Oliveira venceu o Mogi Mirim por 5 a 2, fora de casa, e confirmou vaga nas quartas de final. Mais cedo, o Palmeiras havia superado a Portuguesa por 1 a 0, no Pacaembu, garantindo sua vaga na fase decisiva. O São Paulo é outro time já classificado.

Em Mogi, Fernando Baiano, de letra, abriu o placar para os donos da casa aos 22 minutos da etapa inicial. Antes do intervalo, ao 42, Emerson deixou tudo igual.

No segundo tempo, aos 10 minutos, Leandro Damião colocou os visitantes à frente do marcador. Magrão aproveitou uma falha da defesa santista aos 21 e empatou o placar. Porém, a alegria durou pouco – no minuto seguinte, Rildo fez 3 a 2. Arouca, em um lindo voleio, aos 37 minutos, fez o quarto gol do Santos e Lucas Lima, aos 45, concluiu a goleada santista em Mogi Mirim.

Com o resultado, o Santos chegou aos 29 pontos, na liderança isolada do Grupo C, e não pode mais ser alcançado pelo terceiro colocado da chave, o São Bernardo (19). Na segunda posição vem a Ponte Preta (21). O Mogi Mirim, por sua vez, estacionou nos 12 pontos, em penúltimo do Grupo D, e corre risco de descenso. Restam três rodadas para o fim da primeira fase do Estadual.

No domingo, o Santos recebe o Oeste, às 18h30, na Vila Belmiro. No mesmo dia e horário, o Mogi Mirim visita o São Bernardo, no Estádio 1º de Maio.

Rivaldo

Com dores nos joelhos, Rivaldo desfalcou o Mogi Mirim como meia, mas esteve no camarote, como presidente do clube, chutando bolas imaginárias. Do camarote, o pentacampeão mundial pela seleção batia o pé mais forte no chão em divididas e esticava o pescoço para tentar cabecear as bolas que cruzavam a área do goleiro Aranha.

Para Rivaldo, a decepção deve ter sido dupla. Pois foi justamente aos 36 minutos do segundo tempo, quando seu filho entrou em campo, que Arouca fez 4 a 2 para o Santos, com belo voleio de pé direito. “Assim não dá, presidente”, disse um torcedor que passou em frente ao camarote de Rivaldo, após o apito final. O jogador apenas sorriu encabulado e assentiu com a cabeça.



Comente esta matéria


Atenção! O comentário aqui postado é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do Diário Regional. Comentários discriminatórios ( contra raça, sexualidade, cor, crença e outros) , que violem a lei, a moral e os bons costumes poderão ser denunciados pelos internautas , removidos ou não publicados pela redação.
%d blogueiros gostam disto: