Munícipes se queixam de mato nas calçadas em Diadema | Diário Regional

Munícipes se queixam de mato nas calçadas em Diadema

07/03/2014 9:06
Print Friendly

Passagem entre as ruas Egito e Argentina não é roçada há meses - Foto: Eberly Laurindo especial para o DRDIADEMA – Os moradores das Ruas Egito e Argentina, no Jardim Mulford, em Diadema, reclamam da falta de roçada nas calçadas e passagens da vizinhança. “É um total estado de abandono. O centro de Diadema está impecável. todas as praças roçadas, pintadas, as ruas com os seus radares macabros. Porém, na periferia o mato tomou conta ao ponto de fechar a passagem do pedestre”, relatou o munícipe Fábio Nietto.

O morador destacou que as pessoas sentem medo de passar no local, principalmente durante a noite, já que o mato tanto tem servido para esconder o lixo e os buracos, quanto para abrigar usuários de drogas. “Em alguns pontos, já virou moradia para essas pessoas”, completou.

Em nota, a assessoria de imprensa da Prefeitura de Diadema informou que o serviço de roçada para a região está no cronograma como prioridade alta e deve ser iniciado hoje (7). Quanto aos buracos, o Departamento de Vias Públicas fará até a próxima segunda-feira (10) uma vistoria no local para verificação da real situação e encaminhamentos.



3 Comentários

  • Cidadão honesto

    CONCORDO!!!
    EM pleno centro da cidade, têm cidadão fazendo serviços de instalação de som, conserto de automóvel em plena rua, usando a garagem como oficina, não paga imposto, incomoda todo mundo, e não têm fiscal pra ver isso!!! um tremendo absurdo.

    DIADEMA ESTÁ VIRANDO UMA TERRA ONDE TODO MUNDO FAZ O QUE QUISER, NÃO HÁ FISCALIZAÇÃO!!!!

  • CADE FISCALIZAÇÃO

    Moro em Diadema, e o IPTU que aumentou e não tem fiscalização para atuar, terrenos particulares cheio de entulhos, muros caindo, calçadas sem condições de andar, etc.

  • SEM FISCAL

    Não existe fiscal de Obras e posturas na Prefeitura de Diadema. Está um abandono total, não se fiscaliza nada, terrenos sem capinagem, calçadas esburacadas, obras irregulares,e por aí vai.

Comente esta matéria


Atenção! O comentário aqui postado é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do Diário Regional. Comentários discriminatórios ( contra raça, sexualidade, cor, crença e outros) , que violem a lei, a moral e os bons costumes poderão ser denunciados pelos internautas , removidos ou não publicados pela redação.
%d blogueiros gostam disto: