Vereadores de oposição tentam salvar CEI da Saúde em Diadema | Diário Regional

Vereadores de oposição tentam salvar CEI da Saúde em Diadema

06/03/2014 10:24
Print Friendly

Josa: “é o que cabe à minoria” - Foto: Eberly Laurindo especial para o DRA Câmara de Diadema vai discutir, na sessão de hoje (6), o recurso apresentado pelo vereador Atevaldo Leitão (PSDB) para barrar a criação da Comissão Especial de Inquérito (CEI) que visa a investigar a crise na rede de Saúde da cidade. A CEI foi proposta pelo vereador Ricardo Yoshio (PRB), que declarou ter sido surpreendido pela intervenção de Leitão. O tucano alega que a proposta é genérica e que o autor não apresentou fato determinante para a investigação.

Leitão apoiou seu recurso nos artigos 71 do regimento interno do Legislativo e 41 da Lei Orgânica do Município (LOM), os quais estabelecem que a comissão deve ter um foco definido para investigação. A movimentação da bancada governista foi vista pela oposição como manobra para barrar a CEI e proteger a administração. “É inevitável este tipo de manobra. O recurso vai à votação e, com certeza, (a base governista) ganhará”, comentou Josemundo Dario Queiroz, o Josa Queiroz (PT), ao lembrar que o governo tem maioria na Câmara.

Segundo Josa, a bancada oposicionista vai apresentar hoje um requerimento com os argumentos que faltaram na CEI de Yoshio. “Alegaram falta de argumentos. Então, estamos detalhando os objetivos da investigação”, disse o petista, que acredita ser a única saída para tentar salvar a CEI. “É o que cabe à minoria”, lamentou.

Ordem do dia

A sessão vai apreciar ainda quatro propostas de autoria dos vereadores e apenas uma do Executivo. O primeiro item da pauta é de autoria de Josa Queiroz e visa alterar a redação da lei que criou normas para a permissão de trabalho a feirantes e regulou o exercício dessa atividade. O vereador tem ainda outro projeto na ordem do dia: da criação do campeonato anual de brincadeiras e jogos antigos, em segunda votação.

Do vereador José Hudsomar, o Zé do Bloco (PV), será apreciada a proposta de conceder o título de Cidadão Diademense a Valdir Florindo, em votação única. Do vereador Reinaldo Meira (PR), os colegas vão discutir, em segunda votação, o projeto que dispõe sobre a criação do programa de incentivo ao cooperativismo e associativismo solidário na área médica. Por fim, será discuto em primeira votação o projeto do Executivo que dispõe sobre desafetação e autorização para alienação de bem imóvel no bairro Casa Grande.



Comente esta matéria


Atenção! O comentário aqui postado é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do Diário Regional. Comentários discriminatórios ( contra raça, sexualidade, cor, crença e outros) , que violem a lei, a moral e os bons costumes poderão ser denunciados pelos internautas , removidos ou não publicados pela redação.
%d blogueiros gostam disto: