Justiça do DF suspende obras no entorno do Estádio Mané Garrincha | Diário Regional

Justiça do DF suspende obras no entorno do Estádio Mané Garrincha

01/03/2014 7:05
Print Friendly

BRASÍLIA – Um conjunto de obras de quase R$ 300 milhões em torno do estádio Mané Garrincha, arena mais cara da Copa, foi suspensa pela Justiça. A obra, que ainda estava no papel, não muda os planos do governo do Distrito Federal para o Mundial.

Segundo o governo, o projeto não se limita aos arredores do Mané Garrincha e vai revitalizar toda a área central de Brasília. A decisão da 1ª Vara de Fazenda Pública do DF é liminar, para evitar problemas caso uma decisão definitiva seja pela alteração do projeto.

A Justiça atendeu a um pedido do Ministério Público do Distrito Federal, que afirmou que a licitação visava a “execução de obras de urbanização e paisagismo, a fim de atender as exigências da Fifa, e requalificação da área de entorno do Estádio Nacional de Brasília”.

De acordo com a promotoria, o edital viola a Lei de Licitações, uma vez que reúne obras diversas numa mesma contratação, frustrando o caráter competitivo. “Promoveu-se um ajuntamento de obras distintas sob justificativas fugazes, sem avaliação da economicidade dessa escolha, elemento exigido na lei para o processamento de uma escolha”, diz a promotoria na ação.

Em nota, a secretaria da Copa no DF disse que a ideia é construir túneis para pedestres e ciclistas, além de ligações viárias para melhorar o acesso a estádio, Clube do Choro e Centro de Convenções.



Comente esta matéria


Atenção! O comentário aqui postado é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do Diário Regional. Comentários discriminatórios ( contra raça, sexualidade, cor, crença e outros) , que violem a lei, a moral e os bons costumes poderão ser denunciados pelos internautas , removidos ou não publicados pela redação.
%d blogueiros gostam disto: