Cidades promovem ações de prevenção à Aids | Diário Regional

Cidades promovem ações de prevenção à Aids

01/03/2014 10:45
Print Friendly

Em Ribeirão Pires, funcionários distribuíram 5 mil folhetos explicativos - Foto: DivulgaçãoCarnaval é sinônimo de festa, folia e curtição, mas os foliões não podem esquecer a camisinha. A fim de conscientizar a população sobre isso, as prefeituras do ABC prepararam campanhas para os dias de folia. Na semana que antecedeu a data, houve a distribuição de preservativos e folhetos informativos e as ações devem se repetir durante os quatro dias de Carnaval para incentivar uso de camisinhas durante as relações sexuais e evitar o contágio com doenças sexualmente transmissíveis.

Em Santo André, o “Bloco da Prevenção” distribuiu cerca de 6 mil preservativos masculinos e femininos, além de material educativo, no corredor comercial da rua Coronel Oliveira Lima. Depois do grito de Carnaval, os integrantes do Núcleo de Prevenção marcam presença na passarela do samba hoje (1º) e amanhã, durante os desfiles das escolas na avenida Firestone, no bairro Casa Branca. Desta vez, serão aproximadamente 20 mil preservativos, distribuídos aos foliões entre as duas noites.

A cidade conta com o Ambulatório de Referência das Moléstias Infecciosas (ARMI), que oferece atendimento aos portadores de HIV. Outro serviço oferecido pelo município é a coleta de sangue para exame laboratorial (sífilis, HIV e hepatites B e C), que ocorre no Centro de Testagem e Aconselhamento. O teste rápido para HIV pode ser feito de segunda a sexta-feira, das 8h às 15h30, sem necessidade de encaminhamento. Tanto o ambulatório como o centro funcionam no mesmo espaço: rua das Silveiras, 73, na Vila Guiomar.

Distribuição

Desde a terça-feira (25) e até a sexta-feira (28), o Centro de Referência (CR) em DST, AIDS e Hepatites de Diadema percorrerá as cinco regiões da cidade para distribuir gratuitamente preservativos e dar orientações sobre sexo seguro e prevenção de doenças sexualmente transmissíveis, conhecidas como DSTs.

Nos dois primeiros dias (25 e 26), uma Kombi decorada com motivos carnavalescos ficou estacionada em pontos estratégicos das re­giões Sul, Norte, Leste e Oeste com profissionais do CR distribuindo preservativos e material educativo.

No Centro de Referência é possível realizar exames para HIV, sífilis e hepatites virais, além de tratamento para essas doenças. A entrega do resultado é sigilosa, e menores de 18 anos podem fazer o exame a partir dos 13 anos de idade sem a necessidade de acompanhamento de um responsável. O CR fica na rua Oriente Monti, 28, Centro. Telefone 4053-5310.

Em Ribeirão Pires, a distribuição de 5 mil folhetos informativos e preservativos ocorreu no dia 21. As equipes da prefeitura e os foliões percorreram trajeto que incluiu as ruas do Comércio, Afrânio Peixoto, João Domingues de Oliveira e Boa Vista. O Bloco da Saúde contou com a apresentação do cantor e agente de saúde Luiz Grande, que cantou marchinhas tradicionais do Carnaval e composições próprias sobre a importância de prevenir a transmissão das DSTs com o uso de preservativo.

A prefeitura mantêm o Serviço de Assistência Especializada (SAE), localizado à Avenida Francisco Monteiro, 205, na região central da cidade, de segunda a sexta-feira, das 8h às 17 horas.

O equipamento abriga o Centro de Atendimento e Aconselhamento, que disponibiliza exames para HIV (AIDS), hepatites B e C, e sífilis. São Caetano não preparou nenhuma ação e as demais prefeituras não responderam à reportagem.

 



Comente esta matéria


Atenção! O comentário aqui postado é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do Diário Regional. Comentários discriminatórios ( contra raça, sexualidade, cor, crença e outros) , que violem a lei, a moral e os bons costumes poderão ser denunciados pelos internautas , removidos ou não publicados pela redação.
%d blogueiros gostam disto: